Foi por pouco. Por um ponto, o Vitória não conseguiu o acesso e vai ficar mais um ano na Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar do triunfo sobre o ASA, neste sábado, em Arapiraca, por 2 a 1, o time baiano não conquistou o maior objetivo do ano, voltar à Primeira Divisão.

Um começo ruim de competição, derrotas em casa, problemas de contusão e outros fatores culminaram em uma campanha irregular. Restou o quinto lugar. Na saída do gramado em Arapiraca, os jogadores destacaram a luta do time diante da equipe alagoana.

- Infelizmente não deu, mas temos que sair de cabeça erguida. Está todo mundo de parabéns pelo que fizemos nesta partida. A sensação que fica é que a gente poderia ter chegado. Aquele tropeço diante do São Caetano nos custou a vaga. Estamos de parabéns pela partida de hoje e pela vitória aqui em Arapiraca – disse o volante Preto.

Para o goleiro Douglas, a missão era complicada. O arqueiro, que foi o grande destaque do Vitória na partida, parabenizou a torcida pelo apoio durante o campeonato.

- Sabíamos que seria difícil, e infelizmente não deu. Não conseguimos o acesso, mas temos que agradecer e parabenizar os nossos torcedores. Eles estão de parabéns – disse Douglas, grande nome da partida.

O atacante Fábio Santos foi mais sucinto. Em poucas palavras, o jogador disse que somente o grupo pode dizer o que foi determinante para a permanência do Vitória na Série B.

- Só a gente é que sabe o que deu errado - disse.

O Vitória retorna a Salvador neste domingo, mas o grupo está liberado. O elenco está de férias e ainda não há uma definição sobre a reapresentação.