Preocupada com a saúde dos recém nascidos, das lactantes e da população em geral, a Deputada Federal Célia Rocha-PTB/AL, protocolou Requerimento nesta terça-feira, na Comissão de Seguridade Social, Família e Saúde. O documento trata das questões da contaminação por agrotóxicos, apresentadas no município de Lucas do Rio Verde, no Mato Grosso.

Foi detectado em 62 lactantes, atendidas pelo Programa Saúde da Família, contaminação por agrotóxicos no leite materno. Em 100% das amostras foi encontrado ao menos um tipo de agrotóxico. Em 85% dos casos foram encontrados entre dois e seis tipos.

O fato que, aconteceu em Mato Grosso, passou a ser preocupação de nível nacional. O município de Lucas do Rio Verde é grande produtor de grãos e está entre um dos maiores produtores nacional de milho, tornando-se um dos principais pólos do agronegócio do Estado e do País.

Os agrotóxicos são utilizados em ações de combate a vetores agrícolas e, sabe-se que quando utilizados nas quantidades recomendadas para combater pragas e fungos nas lavouras não projeta contaminações nos alimentos, consequentemente os níveis inseridos pelo organismo não se tornam prejudiciais à saúde. Mas, na prática não é bem assim que acontece, tanto na agricultura familiar, quanto, na empresarial a falta de cuidados na proteção das pessoas e os excessos praticados na dosagem dos produtos trás malefícios à saúde e prejuízos irreversíveis ao meio ambiente.

A Deputada Célia Rocha apresenta em seu Requerimento, indagações à ANVISA, quanto à eficiência da fiscalização na venda e uso de agrotóxicos, a comercialização de produtos proibidos, bem como esclarecimentos de como e onde inicia a contaminação.

O Requerimento de nº 24/2011, entra na pauta para aprovação nesta quarta-feira, em Sessão ordinária da Comissão de Seguridade Social, Família e Saúde.