Funai negocia liberação de reféns de índios no PR

  • 23/03/2009 07:51
  • Brasil/Mundo
Índios renderam funcionários da companhia de energia do Paraná em uma aldeia no norte do estado. Além dos dois eletricistas da companhia, um antropólogo também é mantido refém.

Na entrada principal da reserva indígena, um trator bloqueia a passagem. A reserva, onde vivem 450 índios, fica no município de São Jerônimo da Serra. Os índios querem ser indenizados pela companhia de energia por causa das linhas de transmissão passam pela área.

Na quinta-feira (19), dois técnicos que faziam a manutenção dos cabos foram rendidos. Na sexta-feira (20), um antropólogo da Fundação Nacional do Índio (Funai) de Curitiba tentou negociar a libertação dos funcionários e também acabou refém.

Nesta segunda-feira (23), um representante da Funai, de Brasília, deve chegar à reserva para tentar uma nova negociação com os índios.