Banco do Brasil tem lucro de 0,6% e volta a liderar no país

  • carlinhos
  • 13/08/2009 11:27
  • Negócios

Rio de Janeiro, 13 ago (EFE).- O Banco do Brasil teve no primeiro semestre um aumento de 0,6% em seu lucro líquido, até R$ 4,014 bilhões, e de 43,9% nos ativos, o que fez com que a instituição recuperasse a condição de maior banco do país em volume de ativos, anunciou hoje a companhia.


A entidade informou em comunicado enviado hoje aos acionistas que os ativos totais no final do primeiro semestre alcançaram R$ 598,839 bilhões.


O valor permitiu à empresa superar os ativos totais de R$ 596,387 bilhões que o banco Itaú-Unibanco, até quarta-feira o maior do país, tinha em volume em junho.


O banco informou que o lucro líquido no primeiro semestre do ano somou R$ 4,014 bilhões, com um crescimento de 0,6% em relação ao mesmo período do ano passado.


O Banco do Brasil tinha perdido a liderança regional em novembro, quando o Itaú anunciou a fusão com o Unibanco e deu origem à maior instituição financeira de todo o hemisfério sul.


Os resultados anunciados hoje não incluem os dados do Banco Votorantim, comprado pelo Banco do Brasil este ano, mas cuja aquisição ainda está em andamento. Quando finalizada poderá elevar os ativos totais do novo líder até R$ 643,234 bilhões.


Em comunicado, o banco atribuiu o aumento dos ativos ao crescimento das captações e da carteira de crédito, que avançou 32,8% em comparação com junho do ano passado e ficou em R$ 252,485 bilhões.


Enquanto os empréstimos a pessoas físicas aumentaram 69% na comparação com junho do ano passado, o dirigido às empresas cresceu 32,1% no mesmo período.


Quanto ao aumento do lucro, o bom resultado foi impulsionado principalmente pelo saldo positivo no segundo trimestre do ano, que chegou a R$ 2,348 bilhões, 41,0% a mais que no primeiro trimestre de 2009 e 42% superior ao do mesmo período do ano passado.