Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

O medo do desabastecimento vem provocando uma verdadeira corrida dos arapiraquenses às principais redes de supermercados da cidade. Sem qualquer tipo de fiscalização, a aglomeração de pessoas vai de encontro às normas sanitárias de combate ao Coronavírus.

As filas começam na porta desses estabelecimentos. Na parte interna a situação é ainda pior, tanto entre as prateleiras como na hora de passar no caixa.

Diversos consumidores relatam que não há uma regulamentação por parte dos órgãos de defesa do consumidor no que diz respeito a quantidade individual de produtos que pode ser levado para casa. Ou seja, quem tem maior poder aquisitivo tem a oportunidade de levar boa parte do estoque, o que pode, em breve, gerar o desabastecimento nas prateleiras.