Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Mesmo com a publicação, no início desta semana, da Portaria 008/2020, reduzindo de três para apenas um período diário de visitação a pacientes, a movimentação de pessoas  no Hospital de Emergência do Agreste, em Arapiraca, continuou com muita intensidade e a gerência geral decidiu suspender temporariamente todas as visitas. 

A partir desta sexta-feira (20), o acesso será liberado somente para um acompanhante, conforme preconiza a legislação.

Mesmo assim, para assegurar as medidas e protocolos de segurança e prevenção ao Coronavirus (Cod-19), o acompanhante passará por triagem antes de entrar na unidade. 

A legislação garante o direito a acompanhamento idosos acima de 60 anos, menores de 18 anos e pessoas com dificuldade de locomoção.

A gerência geral do HEA  adotou essa medida considerando as recomendações do Ministério da Saúde para precaução e controle de fluxo em virtude da pandemia do Coronavírus. As visitas ficarão suspensas até o período que possa ser garantida a segurança de pacientes, colaboradores e profissionais da saúde.
Os acompanhantes que seguem com acesso, passarão por triagem nos setores em que se encontram.

De acordo com a gerente-geral Bárbara Albuquerque, também segue suspensa a atuação de estagiários nos setores da unidade,  bem como os projetos existentes com visitas realizadas por voluntários no maior hospital público do interior de Alagoas e vinculado à Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

Diante dessa nova realidade, o Hospital de Emergência do Agreste criou um serviço de atendimento aos familiares e acompanhantes de pacientes, com a disponibilização de duas linhas diretas para informações, pelos telefones (82) 3539-8634 e (82) 98833-4128.