Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Os bastidores políticos de Arapiraca continuam agitados, um verdadeiro filme de ação ou suspense.

A última semana foi turbulenta, incluindo no roteiro as prisões efetuadas pela Polícia Federal e muitas especulações sobre o futuro político dos personagens envolvidos, bem como, a precariedade da atual gestão municipal que goza de uma popularidade pífia e que acumula reclamações nas redes sociais.

Abriu-se então duas outras frentes muito fortes na conjuntura política local. De um lado a atual vice-prefeita Fabiana Pessoa, que tenta uma articulação com Célia Rocha e Fernando Collor, num trabalho de aproximação liderado pelo deputado federal Severino Pessoa.

De outro lado, o presidente Hector Martins da OAB de Arapiraca, que surpreendeu a todos com o anúncio de seu afastamento da Ordem para tratar assuntos relacionados à política. Martins vem a cada dia mais próximo de fechar com o Cidadania, algo que deve acontecer no início do próximo ano.

Ocorre que nos últimos dias o PDT entrou em campo para puxar Martins para o seu grupo político. O experiente Ronaldo Lessa fez questão de pessoalmente entrar na articulação para tentar contar com o advogado na disputa pela prefeitura da segunda maior cidade de Alagoas.

O início de 2020 promete ser bastante movimentado, quando as pré-campanhas começarem a tomar conta do dia-a-dia da população. Resta aguardar as cenas dos próximos capítulos.