Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Um servidor da prefeitura de Craíbas foi preso nesta terça-feira (16), acusado de ter estuprado uma criança de 12 anos em julho de 2017.

Alex Sandro da Silva, de 33 anos, estava sendo investigado desde o ano passado. Ele teria abordado o menor no momento em que ele retornava para casa, após ter ido a um mercadinho, acompanhado de um primo de 10 anos idade. Alex teria pedido ajuda as crianças para colocar umas caixas dentro do seu veículo. Em seguida, ele convenceu os menores a entrar em sua residência e fechou a porta de chave, para que eles não saíssem.

O acusado teria tirado suas roupas e abusado de um dos meninos com a prática de sexo oral. A vítima ainda teve o braço lesionado devido à força utilizada pelo abusador durante o ato. Alex Sandro liberou as crianças depois de ter praticado o crime. Na época, a vítima foi encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML) de Arapiraca, onde fez exame de corpo de delito que comprovou o abuso.

Alex Sandro foi detido por policiais do 62º Distrito Policial, no momento em que chegava para trabalhar. O servidor municipal foi levado para a Central de Polícia de Arapiraca, onde confessou o crime e permanece detido à disposição da Justiça.

A ação foi comandada pelo delegado Igor Diego Vilela. Os militares cumpriam um mandado de prisão preventiva, expedido pela 1ª Vara da Infância da Comarca de Arapiraca.

A Prefeitura de Craíbas confirmou que o homem é contratado do município e disse vai aguardar mais informações para se posicionar sobre o caso.