E6171694 a0f1 4713 a590 ab7b53db700f

Agentes municipais de trânsito da SMTT de Arapiraca paralisaram as atividades na manhã desta quarta-feira (30). Em frente a sede do órgão, os agentes realizaram protesto, onde denunciaram que estão sofrendo retaliação por parte da SMTT por não concordarem com determinadas ações administrativas.

Os servidores relataram graves denúncias contra a Prefeitura de Arapiraca. Segundo eles, existe uma "fábrica de multas" dentro da SMTT, onde cada um dos agentes deve bater uma meta mensal.

Com as cirenes ligadas e  faixas exigindo a garantida dos direitos, o agentes de trânsito denunciaram ainda perseguição por parte do superintendente da SMTT, Jodelmir Pereira, que alterou a escala dos plantões, onde alguns agentes passaram a trabalhar diariamente e não mais por plantões.

Um dos agentes alegou que a alteração na escala é uma forma de retaliação do superintendente após os agentes decidirem que não iriam pagar do próprio bolso o fardamento de trabalho.

O Minuto Arapiraca entrou em contato com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura que ficou de enviar uma nota sobre o assunto, que até o fechamento desta matéria não foi enviada.