Arapiraca: Renan Filho junta governistas com Luciano; Cunha recebe oposição ampliada

  • Ricardo Mota
  • 16/12/2021 17:00
  • De Olho nas Eleições 2022
Foto: Reprodução / Internet
Renan Filho e Luciano Barbosa
Renan Filho e Luciano Barbosa

Arapiraca foi o centro das atenções hoje na área de saúde, nesta quinta-feira, em Alagoas. Ganhou uma UPA nova, do governo do Estado, e uma importante e destacada unidade de prevenção e tratamento do câncer: o Hospital do Amor (da rede do Hospital do Amor de Barretos).

Mas, como sói acontecer por essas bandas, a disputa política ganhou protagonismo num dia de comemorações para a população do Agreste.

O governador Renan Filho, dissemos aqui, antecipou a inauguração da UPA, para que coincidisse com a entrega do Hospital do Amor, uma iniciativa que só foi possível graças ao senador Rodrigo Cunha e à deputada Tereza Nelma.

Jogo jogado. Filho levou a sua caravana para Arapiraca e ainda foi recebido – acreditem – pelo prefeito Luciano Barbosa, seu mais conhecido inimigo íntimo. Presença marcante, também, a do senador Renan Calheiros, que não anda nada satisfeito com o processo sucessório “conduzido” pelo Filho (Marcelo Victor Paulo Dantas, a dupla do momento, não compareceu à festa).

Cunha, que sinalizou para uma nova relação com Tereza Nelma, levou JHC, Davi Maia e alguns personagens políticos que surpreenderam com suas presenças: a deputada Jó Pereira (sempre mencionada como a desejada vice do tucano), o prefeito Renato Filho (do Pilar) e o presidente da Câmara Municipal de Maceió, Galba Neto (MDB).

Pelo sim pelo não, quase que uma oposição ampliada.

Os discursos dos dois, Cunha e Filho, sinalizam para o embate futuro – Cunha disputando o governo do Estado, Renan Filho, provavelmente, concorrendo ao Senado, em dobradinha com o candidato ao Palácio que Marcelo Victor escolher.