Suspeito de matar o próprio pai queimado na zona rural de Junqueiro é preso

  • Redação
  • 28/04/2021 10:24
  • Polícia
Foto: Davi Salsa / Assessoria
Hospital de Emergência do Agreste, em Arapiraca

Um homem de 37 anos foi preso nesta terça-feira (27), suspeito de atear fogo e matar o próprio pai, o agricultor Expedido Panta da Silva, de 58 anos, no Povoado Boca da Mata, zona rural de Junqueiro, Agreste de Alagoas.

De acordo com as informações, o acusado teria levado seu genitor até um bar da região, no domingo (25), onde bebeu com a vítima até deixar o pai embriagado. No caminho de volta para casa, a vítima parou para descansar embaixo de uma árvore, onde acabou dormindo e sofreu a tentativa de homicídio.

Ainda segundo as informações, o criminoso teria jogado etanol (álcool combustível) no corpo do pai e ateado fogo. O homem foi socorrido com vida, mas com 90% do corpo queimado. Ele foi levado para o Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca, onde acabou morrendo na tarde da última terça-feira (28).