Cultura

Percussionista Alagoano tem música exibida em série da Netflix

  • 03/08/2020 17:46
  • Cultura

Cantora Vanusa é diagnosticada com Alzheimer; conheça a doença

  • 03/08/2020 09:53
  • Cultura

Lollapalooza 2020, Gusttavo Lima, Diogo Nogueira e mais: confira as lives deste domingo

  • Redação
  • 02/08/2020 10:17
  • Cultura
Foto: Divulgação
Gusttavo Lima e outros artistas fazem live neste domingo

Confira as lives de artistas do Brasil e do mundo programadas para este domingo, 2 de julho. Abaixo está a lista completa com hora e local de transmissão de cada artista ou grupo.

 

12h - Pagodão das Antigas - Patrulha do Samba, O Rodo da Bahia, Alex Maxx, Banda Raça Pura, Allisson Barros, Reinaldinho, Zay Lopes, Revolu Samba, Lu Costa e Gang do Samba - (YouTube)

12h - Diogo Nogueira - (YouTube)

12h - Doce Encontro - (YouTube)

13h  - Léo Santana, Ferrugem e Dilsinho - (YouTube)

13h - Blocobuster - (YouTube)

13h - Virtual Musikfest - (National Public Radio)

13h - Daniel Hope, Kirill Gerstein e Matthias Goerne - (YouTube)

14h - Gusttavo Lima - (YouTube)

14h - Diego Faria - (YouTube)

14h - Delluka Vieira - (Youtube)

14h - Beatles Para Crianças - (Instagram)

14h - Sofi Tukker - (Instagram)

15h - Aglomerou (YouTube)

17h - Camila Genaro - contação de histórias - (Instagram)

18h - Simone - (YouTube)

19h - Underground Radio - DJs Ricardo Escudeiro e Gé Rodrigues - (Madame Underground Club)

19h - Larissa Luz - (YouTube, Facebook e Instagram)

19h - Lollapalooza 2020 - Arcade Fire (gravado), The Weeknd (gravado), Carnage e mais - (YouTube)

19h - Karynna Spinelli - (Instagram)

20h - Enok Virgulino - (YouTube)

20h - Pickathon at Home - Dom Flemons, Moon Duo e Drive-by Truckers - (YouTube)

21h - Emicida - (BeApp. Download para iPhone e Android)

21h30 - Soraya Ravenle - espetáculo "Instabilidade Perpétua" - (Youtube, Facebook e Instagram)

21h30 - Denise Fraga - espetáculo "Galileu e Eu" - (Cultura em Casa)

22h - Teresa Cristina - (Instagram)

 

Tutorial: 5 dicas de como tirar mancha de tapete

  • 02/08/2020 10:06
  • Cultura

Empresária de São Luís cria camisetas debochando da “praia dos ricos”

  • 01/08/2020 09:16
  • Cultura

Netflix anuncia que quinta temporada de ‘La Casa de Papel’ será a última da série

  • 01/08/2020 08:56
  • Cultura

Netflix confirmou, nesta sexta-feira (31), o início das filmagens da quinta e última temporada de ‘La casa de papel‘. As gravações começam no dia 03 de agosto, com 10 episódios confirmados. A série é criada por Álex Pina e produzida pela Vancouver Media para a Netflix.

O criador e produtor executivo Álex Pina comentou:

“Passamos quase um ano pensando em como destruir a banda, encurralar o professor e chegar a situações irreversíveis para muitos personagens. O resultado é a quinta temporada de La Casa de Papel. A guerra atinge suas alturas mais extremas e selvagens, mas também é a temporada mais épica e emocionante.”

Entre as novidades está a chegada de dois novos atores ao elenco: Miguel Ángel Silvestre, de Sense8 e Narcos, e Patrick Criado.

 

As filmagens serão iniciadas na Dinamarca, em Portugal e na Espanha. “Passamos quase um ano pensando em como destruir a banda, encurralar o professor e chegar a situações irreversíveis para muitos personagens. O resultado é a quinta temporada de La Casa de Papel. A guerra atinge suas alturas mais extremas e selvagens, mas também é a temporada mais épica e emocionante”, comenta Álex Pina, o criador e produtor executivo da série, em nota.

A parte 4 de La casa de papel estreou em abril deste ano na Netflix. Lançada em 2017, a série entrou no catálogo da Netflix e fez tanto sucesso que a produção que seria apenas uma minissérie ganhou uma continuação.

Vitão estreia show drive-in em Maceió no mês de agosto

  • Assessoria
  • 31/07/2020 10:50
  • Cultura

Pela primeira vez a capital alagoana vai receber o formato de show em drive-in. O Estacionamento do Maceió Shopping, localizado em Mangabeiras, acolherá o Drive Experience Show, projeto idealizado pela LS Entretenimento, que promove eventos em Alagoas há cinco anos. O cantor Vitão abre a temporada de eventos, no dia 22 de agosto, a partir das 21 horas.

O mercado de entretenimento foi um dos mais afetados, devido a proibição de aglomeração, por isso, uma alternativa encontrada pelos produtores de eventos foi o drive-in. Lucas Neves, produtor responsável pela empresa alagoana que está idealizando o formato em Maceió comenta que devido a realidade do setor e os cuidados recomendados pela OMS, esse formato é possível para que as atividades comecem a retomar aos poucos. “Entendendo esse ‘novo normal’, estamos nos adaptando para promover eventos dentro dessa nova realidade que vivemos, respeitando todos os cuidados exigidos para não colocar a saúde de nenhum dos envolvidos em risco”, enfatiza Lucas.

Em um show completo, Vitão promete animar o público com grandes sucessos da sua carreira. A música ‘Café’, que conta com mais de 60 milhões de visualizações no YouTube e Flores, parceria com Luiza Sonza, com mais de 70 milhões de visualizações, lançada durante a quarentena, sem dúvidas são as mais aguardadas pelo público por serem os principais hits do cantor paulista.

As vendas acontecem no aplicativo e no site Bilheteria Digital, e para maiores informações (82) 99909-6957. Os ingressos são 100% digitais, não precisando de contato físico para validação no show.

Um ingresso vale para até 4 pessoas no carro. Os ingressos são limitados, respeitando a distância de 2,5 metros entre um veículo e o outro. A transmissão dos shows também acontece com som ambiente e através do sinal de rádio FM, para que o público possa escutar a apresentação em dolby surround mesmo com o carro fechado.

Lucas reforça que todos os cuidados estão sendo discutidos e planejados com toda cautela que o momento exige. “Estamos reforçando o distanciamento social, uso e distruibuição de EPI’s, equipe amplamente preparada, medição de temperatura de todo o público e higienização dos espaços”.

Adeus ou até breve? Duofel chega ao fim em live de despedida

  • Carlos melo
  • 31/07/2020 09:54
  • Cultura

A wikipédia diz que o Duofel é uma dupla de violonistas brasileiros formada pelos músicos Fernando Melo, natural de Arapiraca, Alagoas e Luiz Bueno, natural de São Paulo. E que em 2012, tanto o Fernando Melo quanto o Luiz Bueno foram eleitos pela revista Rolling Stone Brasil um dos 70 Mestres Brasileiros da Guitarra e do Violão. 

Em um mundo onde as informações não podem superar um vídeo de dois minutos, o resumo da biblioteca digital é pobre, pois não reflete os 44 anos de obra que é resultado de pesquisas, ensaios e shows diversos de uma das mais longevas duplas de música instrumental. E que hoje, ironicamente, no novíssimo formato de live musical no youtube, se despede deixando um vazio em todos que acompanham e se tornara fãs do Duo.

Em um vídeo em suas redes sociais, Luiz Bueno, explica a decisão da dupla. Ele diz que são seis meses sem encontros por conta da pandemia, fala das dificuldades de levar um trabalho de música instrumental para os novos formatos, como o Youtube, que privilegiam tão somente o número de acessos, e não a qualidade do conteúdo. Luiz fala das dificuldades financeiras e explica que cada um dos dois terá que se dedicar a projetos pessoais, por conta de uma maior facilidade na inserção em editais. Todas as justificativas colocadas pela dupla são perfeitamente compreensíveis, mas apesar do tom leve, e da explicação que ocasionalmente a dupla voltará a tocar e alguns shows, quem gosta de música instrumental brasileira fica com o gosto amargo da despedida, ao saber que a dupla não fará mais novas composições.

44 anos de Duofel

O que a Wikipédia não conta, é que Fernando Melo e Luiz Bueno se conheceram em São Paulo no grupo Boiçucanga, uma banda hippie nos anos 1970. Em busca de uma sonoridade autoral, resolveram formar um duo de violões. Passaram a compor, excursionaram pelo nordeste, precisamente em Alagoas, numa viagem de reconhecimento de campo, investigação do repertório tradicional, experimentação.

Na década de 80, após tocar com expoentes da MPB, lançaram seu primeiro disco, "DUOFEL DISCO MIX" e de cara já vencem o primeiro festival de música independente de Avaré em São Paulo. Em 1992 são convidados por um dos maiores nomes da música instrumental , o também alagoano Hermeto Pascoal, para uma série de shows que se transformou em uma intensa parceria. 

Entre os shows do Duofel estão a “icônica” apresentação VIII Free Jazz no Rio de Janeiro e São Paulo, junto com o percussionista indiano Badal Roy, as excursões ao Estados Unidos e Europa, a participação no 35o Montreux Jazz Festrival na Suíça e consequentemente os prêmios mais importantes da época, o Sharp e o Visa MPB.

Com 30 anos de carreira, em 2008, fizeram uma apresentação histórica, com a Orquestra Sinfônica da USP - OSUSP sob regência do maestro Carlos Moreno; no Auditório Ibirapuera. Esse show acabou virando disco e DVD.

Após essa carreira inteira pautada por música autoral, o Duofel decide fazer uma homenagem a banda que influenciou os dois músicos. Em um Cd dedicado a obra dos Beatles, sucesso estrondoso de crítica e público. O projeto do CD seria finalizado com um velho sonho de Duofel. Foi assim que nasceu a aventura de gravar em Liverpool, no The Caven Club, em um DVD memorável, que reinventou a dupla e os fez excursionar por todo o Brasil.

É justamente essa imensa caminhada que é interrompida hoje, após 44 anos. A live de despedida, que será transmitida no canal do Duofel do Youtube, a partir das 20:00, colocará um ponto final nessa bela história. Sempre fica a esperança de que esse ‘adeus” seja um “até breve”. E que novos capítulos aconteçam. 

 



 



 

Em ranking da CGU, HU da Ufal é o mais elogiado do Brasil durante pandemia

  • Assessoria
  • 30/07/2020 17:04
  • Cultura
Foto: Ascom / Ufal
Josealdo Tonholo, reitor da Ufal

Para estimular a população a elogiar e avaliar o atendimento em saúde em todo o país durante a pandemia da covid-19, a Controladoria-Geral da União (CGU) lançou a campanha Quem está na linha de frente para cuidar de nossas vidas merece todos os elogios. E na primeira semana de campanha, o Hospital Universitário Professor Alberto Antunes (HU) da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) foi a instituição que teve os serviços mais elogiados do Brasil de acordo com o ranking formulado pela própria CGU.

Ao todo, cinco hospitais da Rede Ebserh - Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - figuraram entre as 13 instituições que registraram elogios pela plataforma FalaBR, sistema integrado de Ouvidoria e Acesso à Informação do governo federal. Os outros hospitais da rede citados com menções positivas foram o Hospital das Clínicas do Recife (HC-UFPE); o Hospital Universitário Professor Edgard Santos (Hupes-UFBA), em Salvador (BA); o Hospital Universitário de Santa Maria (HUSM-UFSM); e o Hospital Universitário de São Carlos (HU-UFSCar).

“Este reconhecimento é fruto de um trabalho integrado e devotado de toda a equipe do nosso HU. Quando assumimos a gestão da Ufal, em fins de janeiro de 2020, o cenário não era dos melhores. Faltava até lençol em nosso Hospital. Nestes seis meses, mesmo diante da pandemia do novo coronavírus, conseguimos garantir R$ 2,5 milhões em investimentos, abrimos 38 novos leitos, sendo 14 UTis, 16 enfermarias e 8 semi intensivos, inclusive voltados inicialmente para atendimento a pacientes com Covid-19, e avançamos na melhoria do atendimento de nosso usuário. Fundamental dizer que também contamos neste esforço com o apoio do MEC, do Ministério da Saúde, do TJAL, do MPT e do MPF, além de outros organismos governamentais” afirmou Josealdo Tonholo, reitor da Ufal.

Para a ouvidora-geral da Rede Ebserh, Savana Dantas, o recebimento de um único elogio tem um grande potencial transformador. “Faz bem para quem registra, já que é uma oportunidade de externar o sentimento de gratidão, e faz bem para quem recebe, já que a sensação, nesse momento, é equivalente a receber um abraço. Esse movimento da CGU é realmente louvável e está alinhado com diversas ações que muitas Ouvidorias da Rede Ebserh já realizam”, ressaltou.

Valorização

A campanha tem como objetivo valorizar e reconhecer o trabalho desafiador dos profissionais de saúde que estão atuando de forma incansável no combate à pandemia da covid-19. Para isso, a CGU está reunindo mensagens positivas da população para demonstrar gratidão pelo atendimento prestado por enfermeiros, médicos, técnicos e auxiliares da alimentação e limpeza, e de todos os outros profissionais da saúde que neste momento lutam com muita coragem e determinação contra a pandemia disseminada pelo novo coronavírus.

A partir dos elogios enviados para o FalaBR, a CGU pretende transformar em exemplos positivos as experiências de cidadãos que tenham recebido ou usado satisfatoriamente serviços de saúde nos últimos três meses. Dentre os elogios, destacam-se tópicos como: excelência, amor e dedicação no atendimento durante a pandemia; prontidão, carinho e paciência por parte das equipes de atendimento; admiração pelo cuidado das equipes ao colocarem as próprias vidas em risco; cuidado, esforço, profissionalismo e educação das equipes de atendimento; competência, humanidade e humildade dos profissionais; dentre outros.

Quem quiser mandar o seu recado e demonstrar o reconhecimento pelo trabalho de profissionais de saúde e das instituições envolvidas na luta contra o coronavírus, basta registrar sua manifestação pela plataforma FalaBR.

Horóscopo de hoje: Confira o que os astros reservam para sua quinta-feira

  • 30/07/2020 08:53
  • Cultura

Com lançamento próximo, Hugo Novaes fala sobre o primeiro livro

  • Assessoria
  • 29/07/2020 12:15
  • Cultura
Foto: Assessoria
Com lançamento próximo, Hugo Novaes fala sobre o primeiro livro

Conhecido nacionalmente como o poeta digital, o alagoano Hugo Novaes se destacou nas redes sociais com o projeto '1tema1minuto1poema' e está prestes a lançar seu primeiro livro. A obra literária recebeu o nome de 'Poematizando', com o propósito de conduzir o leitor ao universo da poesia junto com o autor. O lançamento está marcado para a próxima semana.

Hugo conta que o primeiro contato com a literatura aconteceu logo na infância, quando tinha apenas oito anos de idade e participou de uma atividade na sala de aula. "Foi nesse momento que comecei minha trajetória no mundo da poesia e é exatamente esse primeiro contato que quero levar aos leitores com o livro, mostrando o que é poesia e como fazer", explica o poeta.

Para o autor, a obra chega para despertar o desejo pela poesia e descobrir outros profissionais ou talentos dessa geração. O livro será comercializado através da plataforma Amazon, a partir do dia 3 de agosto. "Devido a pandemia, tivemos que cancelar o lançamento presencial com amigos e fãs, mas quem sabe faremos futuramente assim que puder", explica Hugo.

 

BAIRROS MACEIOENSES

No início do mês, Hugo lançou um projeto de homenagem aos bairros da capital alagoana. Através da página do Instagram do poeta e do Maceió Ordinário, o autor conta uma série de poemas em homenagem aos distritos de Maceió, onde já estão disponíveis sobre o Jacintinho, Benedito Bentes, Feitosa e Tabuleiro dos Martins.

Banda Pulsar realiza Live e canta sucessos de Pink Floyd neste sábado (1º)

  • Assessoria
  • 29/07/2020 09:55
  • Cultura

A banda Pulsar conhecida pelos tributos à banda inglesa de rock progressivo Pink Floyd, vai realizar neste sábado (1º) uma Live de tirar o fôlego para quem curte um rock de qualidade e um repertório diversificado de clássicos. A transmissão ao vivo acontece no Restaurante Ancoradouro, às 15h, e será transmitida pelo canal do YouTube/Banda Pulsar MCZ.

De acordo com o vocalista da Pulsar, Leonardo Luiz, o público pode esperar músicas dos discos consagrados pelo público e crítica, sendo eles ”The Dark Side of The Moon” (1973), ”Wish You Were Here” (1975), ”Animals” (1977), ”The Wall” (1979), “The Final Cut” (1983), “A Momentary Lapse of Reason” (1987) e “The Division Bell” (1994).  A pulsar é composta por Leonardo Luiz (Voz), Beta Moraes (Voz e Violão), Damas (baixo), Eduardo Holanda (Guitarra e Violão), Passos Jr (Saxofone e Vocal), Victor Slave (Bateria), Yago Lima (Teclados).

Para Leonardo, Pink Floyd é uma das cinco melhores bandas da história. “Sinto-me muito honrado  como vocalista e de fazer parte de um grupo que que homenageia uma banda que faz parte da minha história”, explicou Leonardo, que ainda contou que além de ser fã o evento é mais uma realização profissional. “Queremos divulgar a nossa banda enquanto não podemos realizar um show presencial. Estamos com planos de um show bem legal, que iremos organizar quando tudo isso passar e for permitido, onde iremos respeitar todas as regulamentações exigidas pela Organização Mundial de Saúde (OMS)”, garantiu.

Live da Fundaj debaterá fatos e mitos sobre Zumbi dos Palmares

  • Assessoria
  • 28/07/2020 10:42
  • Cultura
Ilustração
Zumbi dos Palmares

No Século 17, não existiam retratos falados. O primeiro só seria publicado cerca de 200 anos depois, em 1881. Por isso, as imagens atribuídas ao alagoano Zumbi (1655-1695), líder negro da resistência do Quilombo dos Palmares, quase sempre destoam de uma representação mais fidedigna. “A sua figura física não era de um homem forte, mas franzino. De determinação forte, sim, e sagacidade”, revela a socióloga Delma Josefa da Silva, pesquisadora em questões raciais e quilombos, convidada da sétima e última edição da série Grandes Personalidades da História do Nordeste. A iniciativa da Fundação Joaquim Nabuco será transmitida nesta quinta-feira (30), às 17h, no canal oficial da Instituição, no YouTube. Mediação da jornalista Lady Lima.
 

Com o tema Zumbi dos Palmares: de insurgente à personalidade nacional, a socióloga comentará aspectos históricos sobre e em torno da figura do personagem, mas, também, reflete sobre a influência do líder de um dos mais importantes quilombos das Américas na atualidade. “Ele extrapola a História, pois se converteu desde o tempo em que vivia e até nos dias de hoje em um símbolo. Passados já 325 anos da morte de Zumbi e da destruição dos Palmares, muitas das questões daquela resistência e daquela violência continuam como pendências do Brasil”, diz Mario Helio, diretor de Memória, Educação, Cultura e Arte, da Fundaj. “Concluímos o ciclo de palestras em alto estilo com o herói e mártir”, celebra.
 

No evento online, o público poderá entender o contexto de Palmares, nos séculos 16 e 17, na perspectiva de um projeto societário. “Eles fogem da região canavieira e vão constituir o quilombo subindo a Serra [da Barriga, em União dos Palmares], procuram se situar mata adentro, o mais distante possível das possibilidades de captura. Os quilombos, originalmente na África, têm estruturas militares para a conquista de territórios. No Brasil, para se defender, eles vão dominar muito dessas táticas e estratégias. Não foi à toa que resistiu tanto tempo — por mais de 100 anos. Eles tinham armadilhas, mirantes e Zumbi o preparo. Por isso, seu tio Ganga Zumba o escolhe para ser o chefe militar, por ter muita liderança”, aponta.
 

Outro aspecto a ser abordado é a biografia de Zumbi, batizado Francisco quando adotado pelo Pe. Antônio Melo, com quem aprendeu português e latim — falava, ainda, kimbundo e iorubá. Embora ainda existam  poucos registros sobre a história do personagem, sabe-se que ele nasceu livre, na própria Palmares. Mas foi capturado e entregue ao padre missionário, com quem convive até os 15 anos, quando consegue fugir e voltar ao quilombo. “Zumbi emerge como líder aos 23 anos. Ele foi preparado sim, tanto na arte estratégica da guerra [com Ganga Zumba], como para a habilidade política. Por ter vivido tanto tempo com o padre, transitava pela cidade e sabia das negociações. Teve essas duas experiências na vida.”
 

Pesquisadora das questões raciais desde o fim da década de 1990, Delma se tornou especialista em quilombos e publicou doutorado sobre o tema em 2017. Nesse processo, comenta as narrativas lançadas contra o alagoano, como a de que Zumbi teria escravizado outros negros. “São especulações levantadas no início dos anos 2000 e não têm fundamento. Ancoram esta alegação no fato de que, na África, isso seria comum. Mas não tem uma pesquisa que sustente”, ao destacar os poucos nomes que investigaram os raros registros disponíveis sobre o Período da Escravidão no Brasil: o jornalista e historiador brasileiro Décio Freitas, o escritor Joel Rufino dos Santos e a jornalista e escritora Marilene Felinto.
 

“Zumbi é um personagem que incomoda até hoje. Essa perseguição tem início com o Estatuto da Igualdade Racial [Lei Federal 12.288/2010], que mexe com as estruturas de Estado a fim de promover correções das desigualdades”, aponta a especialista, ao mencionar dois fatos históricos: na década de 1837, por meio da Lei nº 1, os negros são proibidos de frequentar escolas, ainda que livres. Só na Constituição de 1988 é que os quilombos serão reconhecidos territórios estabelecidos no Brasil.
 

Serviço

Grandes Personalidades da História do Nordeste VII

Zumbi dos Palmares: de insurgente à personalidade nacional

Palestrante: Delma Josefa da Silva, socióloga

Data: quinta-feira, 30 de julho

Horário: 17h

Transmissão no canal da Fundaj no YouTube

Maceió Tattoo realiza live solidária em prol do Instituto Mandaver

  • Assessoria
  • 28/07/2020 09:14
  • Cultura

Com o impacto causado pela crise do coronavírus, o mundo precisou se reinventar e a solidariedade se consolidou como uma das melhores ações em resposta à crise causada pela pandemia. Pensando nisso, o estúdio de tatuagem Maceió Tattoo decidiu reunir 15 atrações locais para o projeto ‘Expresse Sua Solidariedade’, com o objetivo de levar entretenimento através da música e da arte, além de arrecadar fundos e donativos para o Instituto Mandaver, do Vergel do Lago.

A live contará com a participação dos artistas Yo Soy Toño, Boby Ch, Mel Nascimento, Vitor Pirralho, Carlos PXT, LoreB, Felipe de Vas, Bragazion, Pedão UNP, LLARI, Bruno Berle, além da banda $ifrão e das atrações surpresas Jerry Loko e Dió Leão.

Ainda durante a transmissão, o público contará com sorteios de tatuagens e brindes de empresas parceiras do evento. Estimulando a solidariedade, o Maceió Tattoo está disponibilizando 40% de desconto na próximo tatuagem de quem doar qualquer valor para o instituto. As condições da promoção estão disponíveis no Instagram @maceiotattoo.

“Queremos unir os diversos talentos de Maceió e mostrar que a arte, a cultura e a música pode ser uma porta para a solidariedade. O Instituto Mandaver, além de ser um exemplo de cidadania e de transformação social, vem alcançando diversas conquistas e contribuindo bastante com o bairro do Vergel do Lago. Esse trabalho não pode parar e todos nós podemos ajudá-lo”, destaca Roberto Bocão, um dos idealizadores do estúdio e do projeto.

As doações para a campanha já estão disponíveis através do vakinha.com.br/vaquinha/mandaver-construindo-um-sonho e a transmissão do evento acontece no canal oficial do Youtube do Maceió Tattoo, a partir das 20h.

Paty Maionese promove novo Drive Trio Solidário em Cruz das Almas

  • Assessoria
  • 27/07/2020 15:18
  • Cultura

Solidariedade e empatia são atos bons em qualquer situação, na pandemia principalmente. Por isso, a drag queen Paty Maionese tem feito ações para que bons sentimentos e atitudes sejam disseminados em Alagoas. A mais nova é um Drive Trio Solidário pelas ruas do bairro de Cruz das Almas, em Maceió, no dia 1º de agosto, que será combinado com uma Live Solidária nas semanas seguintes, ambos voltados para artistas circenses impossibilitados de trabalhar no momento.

A dinâmica do Drive Trio é a mesma das edições anteriores: um mini trio vai circular por ruas do bairro a partir das 15h, arrecadando doações na porta da casa das pessoas enquanto distribui alegria e entretenimento. O trio contará com a participação da própria Paty Maionese, do digital influencer Júnior Brandão e do Palhaço Dhidi.

A população poderá doar alimentos não perecíveis, kits de higiene, álcool em gel e materiais de limpeza. Seguindo as regras de distanciamento social, devem deixar os donativos na calçada de casa ou na portaria dos condomínios. Alguns voluntários devidamente protegidos irão recolher o que foi doado, evitando aglomerações e garantindo a segurança daqueles que querem fazer o bem sem sair de casa.

Live Solidária

Além do Drive Trio Solidário, Paty Maionese irá realizar uma Live Solidária, no dia 12 de agosto, diretamente de um circo, no formato de um espetáculo com plateia virtual. O respeitável público poderá colaborar com os artistas que estão impossibilitados de trabalhar em 8 circos parados em Maceió, cada um abrigando de 6 a 14 famílias.

“Esta foi uma categoria prejudicada e esquecida. Com essas ações, quero tocar no coração das pessoas que estão em casa, que já foi muito a circo. Está na hora de retribuir a alegria que o Circo sempre nos deu. Os artistas circenses estão precisando da nossa ajuda”, concluiu Paty Maionese.

A live será transmitida no canal do YouTube da Paty, o  www.youtube.com/c/PatyMaioneseOficial.

'Quaregenda' cultural: confira as lives deste domingo (26)

  • Redação
  • 26/07/2020 14:51
  • Cultura
Foto: Reprodução
Artistas optam por shows através de lives

As transmissões ao vivo pela internet feitas pelos artistas durante o período de isolamento social por causa do coronavírus já caiu no gosto do povo, como uma forma de passar o tempo para aliviar o tédio de não poder sair de casa.

Pensando nisso, o Cada Minuto traz mais uma vez a agenda cultural adaptada às recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS), desta vez intitulada como, ‘'Quaregenda' cultural’.

Então não perca tempo, monte sua programação, lave bem suas mãos, se arrume no sofá da sala e curta bastante.

Domingo (26)

 

Michel Teló – 14h (YouTube)

Uma Live de Cinema (Luiza & Maurílio, George Henrique & Rodrigo e mais) – 14h (YouTube)

Mamute – 14h (YouTube)

Ivan Gadelha – 14h (YouTube)

Olodum – 15h (YouTube)

Salgadinho – 16h (YouTube)

Fernando e Sorocaba – 16h (YouTube)

DJ Marcio Fernandes – 18h (YouTube)

Roberta Miranda – 18h (YouTube)

Mateus Aleluia – 19h (YouTube)

Sandro DJ – 20h (YouTube)

"A culpa não é de quem está no palco, fomos pegos de surpresa", dizem músicos após proibição de shows

  • Raíssa França com Thiago Luiz*
  • 24/07/2020 12:19
  • Cultura
Foto: Instagram
Mira Ferraz foi uma das cantoras prejudicadas

Após o governo de Alagoas ter proibido os eventos e atividades de shows musicais em bares e restaurantes, os músicos de Alagoas lançaram uma nota coletiva que pede o retorno e afirmaram que foram pegos de surpresa. Alguns deles chegaram a investir em equipamentos de proteção para uma banda e disseram a Cada Minuto que alguns membros da banda não têm outro emprego por fora, e estavam contando com essa volta para poder pagar como contas.

Um ofício foi encaminhado para a Associação Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel/AL) e consta que esse tipo de atividade não pode ocorrer por gerar mais aglomeração. Ainda no ofício consta que “alguns estabelecimentos do segmento da Abrasel, associados ou não, estão descumprindo as normas sanitárias de distanciamento social, bem como divulgando uma iminente realização de eventos, com o intuito de atrair grande público, o que ainda permanece proibido, deixando toda a sociedade insegura".

O cantor Thuca Martins enfatizou que os cantores não são culpados por levar o público para as casas de show ou pelos estabelecimentos descumprirem as regras determinadas pelo Governo. Thuca disse que entende que o momento é de readaptação.

Thuca Martins durante uma live. Foto: Instagam

“Não é a banda que influencia isso. Muitos bares não apresentaram problema nenhum”, disse.

Thuca contou que tinha mandado fazer máscaras para toda banda e comprado borrifador para transportar álcool.  “E não fui só eu. Alguns amigos também tomaram esses cuidados. Os erros da população, ou dos empresários, não podem ser responsabilidade dos artistas”, afirmou.

Ele disse que todo música quer voltar a tocar e ganhar o próprio dinheiro. Thuca estava com a agenda cheia para o final de semana após meses parado e ressaltou que de seis pessoas da banda, cinco vivem de música. “Todo mundo está voltando a trabalhar e a gente também quer isso. Eu tinha três shows nesse fim de semana. Todos foram cancelados. Meus músicos já estavam felizes. De seis pessoas da banda, cinco vivem só da música. Primeiro pediram para reduzir a banda e depois veio a proibição total”.

O cantor também destacou que os músicos têm filhos e que algumas pessoas da banda dele tiveram que deixar a casa de aluguel e morar de favor com parentes por causa da pandemia. 

“O corte geral é complicado. Tínhamos esperança. A gente quer tocar em espaços que sigam as normas. Porque temos família em casa e precisamos nos cuidar também. A música não tem culpa”, comentou.

Mira Ferraz também é cantora e disse que os shows dela para o final de semana foram cancelados. Assim como Thuca, a cantora já tinha mandado personalizar máscaras.

Ela contou à reportagem que a equipe tem sete pessoas: seis músicos, contando com ela e o marido, e a assessora. Dessas sete, só um músico tem um emprego em outra área.

"Foi muito prejudicial para a classe. Fomos pegos de surpresa e punidos por algo que aconteceu em apenas uma casa de show. A culpa não é de quem está no palco, mas da organização. Somente o estabelecimento deveria ser responsabilizado. É preciso que se pense melhor numa maneira mais leve para não atrair bagunça. È necessário que haja fiscalização”, finalizou.

*Estagiário sob a supervisão da editoria

De férias em Maceió, Super Odair divulga o seu trabalho

  • Assessoria
  • 24/07/2020 10:35
  • Cultura

O comediante e pernambucano de Petrolina, Odair José, mais conhecido como Super Odair nas redes sociais, aproveitou alguns dias de folga para visitar a capital alagoana. Com mais de 450 mil seguidores no Instagram, ele é considerado um verdadeiro fenômeno na internet. É através dos seus vídeos bem humorados que retratam o cotidiano da população brasileira e trazem histórias sobre relacionamentos, convivência familiar e amizade, que ele conquista seguidores a cada dia.  

Em sua primeira vez em Maceió, Odair conta que está muito feliz com a recepção do seu trabalho e diz estar encantado pela cidade. “Eu tinha muita vontade de conhecer Maceió, sempre vi fotos e ouvia falar muito bem daqui. Então, aproveitei uma folga na agenda para visitar a cidade. Inclusive, gravei um vídeo novo nessa orla linda. Apesar da pandemia e de todos os cuidados que devemos ter, tá sendo muito bom passar esses dias aqui, relaxando, conhecendo, admirando as belezas naturais e claro, recebendo o carinho dos meus seguidores.”, ressaltou Odair, que pretende voltar a cidade mais vezes.

Um pouco sobre Odair

Odair tem apenas 24 anos de idade e apesar do grande sucesso que está fazendo, a vida dele nunca foi fácil, sempre teve muitas dificuldades e muitos desafios. Tudo que foi conquistado até aqui foi através de muita luta e determinação. Nasceu em Santa Maria da Boa Vista, interior de Pernambuco, e perdeu o contato com a mãe muito cedo, passando então, por inúmeras dificuldades: fome, dormir na rua, morar de favor na casa dos outros, mas nunca desistiu dos seus sonhos e de se tornar um grande artista.

“Desde pequeno gostei de ler e assistir programas de TV, mesmo sem entender nada. No fundo, eu sempre me sentir um pouco artista e sabia que meu destino era trabalhar divertindo as pessoas. Eu tinha e tenho até hoje a arte como uma ferramenta de libertação”, conta Odair.

É a sua própria história e o jeito engraçado do seu pai que servem de fonte de inspiração para os seus vídeos. Tanto que o nome “SuperOdair” surgiu dessa superação de vida. “Eu me sinto um Super Herói diante de tudo que já passei e já superei até aqui. O super Odair. E devo muito isso também, a Petrolina, essa cidade me fez homem e me retornou a esperança.”, concluiu o comediante.

Mesmo diante da pandemia e das novas dificuldades impostas, Odair segue firme projetando o seu futuro e esperar levar o seu trabalho para o teatro e para a televisão.

Músicos lançam nota coletiva pedindo retorno e falam que momento é de readaptação

  • Gilca Cinara
  • 24/07/2020 07:34
  • Cultura
Foto: Ilustração/Maikai/Arquivo
Bares e restaurantes de Maceio

Com a hashtag #sosmusicaalagoana, artistas maceioenses lançaram uma nota coletiva nas redes sociais pedindo a sensibilização do governador Renan Filho para o retorno da atividade nos bares e restaurantes da cidade, que voltaram ao atendimento aos clientes na última segunda-feira (20). 

Na nota, os músicos explicam que estavam mais de quatro meses parados e com a reabertura ficaram na expectativa de retornar ao trabalho. “Fomos pegos de surpresa. Depois de 04 meses sem trabalhar, tivemos a esperança de voltar às nossas atividades. Infelizmente a nossa alegria só durou poucas horas. Por uma falha de readaptação ao “novo normal” a música foi condenada como culpada”, diz trecho da nota. 

Os músicos ainda questionaram se a categoria descumpriu as medidas de segurança e enfatizaram que cabe os estabelecimentos comunicarem os seus clientes das novas regras a serem aplicadas. Com o retorno de bares que promovem shows e música ao vivo, alguns casos de aglomeração de clientes foram flagrados nessa primeira semana.

Os artistas ainda relataram que o momento não é para julgamentos, mas de orientação e readaptação de todos os envolvidos do setor.  

“Erros vão acontecer. Caso alguém não queira se readaptar que pague individualmente pelos seus atos. Sabemos que o momento é difícil e delicado, não será do dia para noite que tudo será corrigido. Mas todos estão dedicados a colaborar com as normas de prevenção. A fiscalização é a palavra de ordem. Pedimos encarecidamente ao Sr. Governador @renanfilho15 que reveja sua decisão”.

 

TV Cidadã do TCE-AL exibe aulas do Conexões Mais, o Pré-Enem da Ufal

  • Assessoria
  • 23/07/2020 17:47
  • Cultura

Para auxiliar os alunos que se preparam para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a Pró-reitoria de Extensão (Proex) da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) fez parceria com a TV Cidadã (canal 35.2 da TV aberta) para exibir as aulas do Conexões Mais, o Pré-Enem Comunitário Conexões de Saberes, em versão digital e televisual. O Programa tem exibição pela emissora do Tribunal de Contas do Estado de Alagoas (TCEAL), todos os dias, das 8h às 9h e das 22h às 23h.

“Considero muito importante essa parceria da TV com a Universidade. É uma oportunidade de dar àqueles alunos de baixa renda um estudo sem nenhum custo, com a qualidade da Ufal. É por meio da educação que se transforma uma sociedade para o caminho do sucesso", afirmou o presidente do Tribunal de Contas de Alagoas, conselheiro Otávio Lessa.

O Programa Conexões de Saberes é uma ação da Ufal e o Conexões Mais é a transposição desse Programa para a televisão e para a internet, em ação apoiada pelo Ministério da Educação (MEC). No seu formato presencial, antes da pandemia de covid-19, o curso atendia a 300 alunos de Alagoas com oferta de aulas gratuitas preparatórias para o Enem ministradas por professores, estudantes bolsistas da Universidade.

A pandemia causada pelo novo coronavírus suspendeu temporariamente as aulas presenciais do Conexões e, por isso, a Ufal disponibilizou o acesso ao conteúdo através do canal aberto da TV Cidadã e também pelo canal do Youtube @ufaloficial.

“Nosso objetivo com a transmissão das aulas é dar sequência à ação extensionista do Conexões de Saberes e garantir o acesso ao conteúdo integral do curso de forma remota para todos os alunos, por meio de videoaulas com assuntos das mais variadas disciplinas exigidas pelo Enem. É fundamental dizer também que o apoio do MEC para a concretização desta ação foi vital, assim como o do Tribunal de Contas de Alagoas e de outros parceiros da Ufal”, destacou o Pró-reitor de Extensão, Clayton Santos.

“Quero expressar a gratidão de nossa Ufal a todos do Tribunal de Contas, especialmente ao conselheiro Otávio Lessa e sua equipe, que abraçou a ideia e está exibindo gratuitamente este conteúdo na emissora de TV da Corte de Contas de nosso Estado, de modo aberto e acessível a qualquer cidadão por meio do canal 35.2. É uma honra para nós ter o Tribunal como parceiro em mais esta iniciativa pelo bem de Alagoas”, concluiu o reitor Josealdo Tonholo.

“Alagoas Canta”: em live, músicos locais se unem para ajudar categoria

  • Ascom Jó Pereira
  • 23/07/2020 14:57
  • Cultura

 

No próximo sábado, dia 25 de julho, às 17h, um grupo de cantores alagoanos se reúne na “Live da Gente – Alagoas Canta”, para ajudar 45 músicos locais de barzinhos, da capital e do interior, que ficaram impossibilitados de trabalhar durante o isolamento social decorrente da pandemia do novo coronavírus.

 

Enquanto colabora com os músicos da terra, o público irá curtir ritmos para todos os gostos, como MPB, samba, pagode e forró, nas vozes dos cantores Igbonan Rocha; Kel Monalisa; Karla Araújo; Mel Nascimento; Rogerinho; e Tuim Gandaia.

 

Direto do Altomang Eventos, em Maceió, a live será transmitida pelo YouTube da deputada Jó Pereira (Jó Pereira oficial), uma das organizadoras e apoiadoras do evento, cuja produção é assinada por Weldja Miranda.

 

Durante a Live da Gente, haverá o sorteio de uma motocicleta Honda Pop entre os que adquirirem os bilhetes e será disponibilizado QR Code para doações diretas, que podem ser feitas diretamente na conta da Silva de Miranda Produções Eireli (Caixa Econômica Federal, agência 0840, operação 003, conta corrente 5447-1), CNPJ: 33.624.111/0001-28.

 

Lembrando que artistas, e trabalhadores da área de cultura em geral, estão entre os mais afetados pelas medidas necessárias de distanciamento social, Jó Pereira convidou todos os alagoanos e alagoanas a participarem, divulgarem e compartilharem o evento.

 

“A arte é sempre uma iniciativa que apoio, por acreditar que ela é fundamental na construção de uma sociedade pensante, igualitária e próspera. Impedidos de realizar suas atividades, inúmeros e talentosos músicos alagoanos passam por dificuldades e agora temos oportunidade de ajudá-los de alguma forma. Façam ecoar as vozes dos nossos artistas, que tanto nos orgulham e nos alegram, afinal, que seria de nós sem a arte, sobretudo em tempos tristes?”, destacou a parlamentar. 

 

*(Ascom deputada Jó Pereira)*

Conquistas e tragédia de Delmiro Gouveia em edição do Grandes Personalidades

  • Assessoria
  • 22/07/2020 15:40
  • Cultura

O caráter épico e dramático da história do industrial Delmiro Gouveia (1863—1917) já lhe rendeu inúmeras obras. O cearense de origem pobre tornou-se um dos homens mais ricos e importantes do Nordeste do Brasil na virada do Século 20, quando promoveria uma transformação social e econômica no Sertão alagoano. O tema da sexta edição da série Grandes Personalidades da História do Nordeste da Fundação Joaquim Nabuco serão seus casos e feitos revisitados pelo pesquisador Edvaldo Nascimento, na palestra ‘Delmiro Gouveia – a trajetória nada ortodoxa de um industrial sertanejo’. O evento ocorre nesta quinta-feira (23), às 17h, no canal da instituição pernambucana no YouTube, com mediação do jornalista Marcelo Abreu.

Responsável pela construção do que é considerado o primeiro shopping center do País, ainda no Século 19 — o Mercado-modelo do Derby —, foi também pioneiro na industrialização do Sertão. “Delmiro Gouveia é dos poucos brasileiros a que se pode aplicar de modo exato e sem exagero o clichê de que estava muito mais avançado que o seu tempo, a sua geração”, opina Mario Helio, diretor de Memória, Educação, Cultura e Arte (Dimeca), da Fundaj. “Pioneiro de fato, em mais de um negócio, da indústria e do comércio, foi também o exemplo daquela ideia de Ortega y Gasset de que uma pessoa é o que é e mais as suas circunstâncias, e as dele resultaram trágicas e frustradas em mais de um aspecto”, conclui.

Autor de Delmiro Gouveia e a Educação na Pedra (2012), caberá ao pesquisador alagoano Edvaldo Nascimento contar desta figura à luz de seu tempo. “Desde 1997, me relaciono com Delmiro, quando passei a morar na cidade que leva seu nome, aqui em Alagoas. Uma relação que se aprofundou quando desenvolvi minha pesquisa de mestrado sobre o projeto educativo instituído por ele no Sertão alagoano”, relembra. Segundo ele, a imagem da região e do sertanejo no pensamento nacional da época, majoritariamente, era de lugar inóspito, avesso à modernidade, de cidadãos incultos e incapazes. “Delmiro contrapôs essa visão hegemônica com suas realizações. Foi líder de uma experiência que mostrou justamente o contrário”, defende Nascimento.

Lá, o conhecido ‘Rei das Peles’ consolidou seu império. Fugido do Recife em novembro de 1902 para a seca região da Pedra, contornada pela Cachoeira de Paulo Afonso, não só ampliou seus negócios com peles de cabras e ovelhas, como construiu uma fábrica de linhas e explorou o potencial energético da queda d’água, inaugurando a primeira Usina Hidrelétrica de Paulo Afonso. “Ele vai ser transformado no símbolo de modernidade e progresso. Vai instituir jornada de oito horas de trabalho, regras e hábitos, construir escolas e  cinemas, vai abrir estradas ligando a várias estados para facilitar o escoamento das produções e a chegada de máquinas. Passa com isso a ser visitado por lideranças religiosas e políticos”, conta o pesquisador.

Entre afagos e ofensas

Filho do cearense Delmiro Porfírio de Farias e da pernambucana Leonila Flora da Cruz Gouveia, o futuro empreendedor ficou órfão aos 15 anos de idade, quando começou trabalhar como cobrador em uma companhia de trem no Recife. De lá até se tornar o ‘Rei das Peles’, como maior comerciante do gênero, foram apenas cinco anos. Delmiro Gouveia tinha tino para os negócios. No Recife, foi proprietário não só do Mercado-modelo (atual Quartel do Derby), mas também de um hotel de status internacional (hoje Memorial da Medicina de Pernambuco) e da Usina Beltrão (mais tarde, Fábrica Tacaruna). “Entrou para a história da capital, com uma trajetória polêmica. Ele foi amado e odiado”, revela Edvaldo.

De acordo com o pesquisador, ele transitou entre intelectuais de diversas vertentes ideológicas. “Era um homem de respeito em Apipucos, onde realizava eventos com a alta sociedade. Entre seus admiradores estavam Assis Chateaubriand, Gilberto Freyre, Graciliano Ramos, Otávio Brandão, Pedro Mota Lima, dentre tantos outros. Mas também era um don juan, afeito aos namoros, do tipo que não levava desaforo para casa”, destaca. Dentre os seus desafetos estavam o Conselheiro Rosa e Silva, vice-presidente da República entre 1898 e 1902, a quem teria agredido no Rio de Janeiro, e o então governador de Pernambuco Sigismundo Gonçalves. “Ele se envolveu com a amante do governador e saiu do Recife para não morrer”, conta.

Assassinado em 10 de outubro de 1917, Delmiro Gouveia estava na varanda de seu chalé quando foi alvejado com três tiros. Sua morte nunca foi totalmente esclarecida. “Na versão oficial, foram condenadas três pessoas como autores materiais e duas como autores intelectuais. Entretanto, há controvérsias na história e nos processos. Por isso, biógrafos e historiadores levantam várias possibilidades. Existe quem defenda que tenha sido em razão do envolvimento com a filha do capitão Firmino Rodrigues; quem diga que tenha sido por uma agressão cometida com Herculano Vilela, na Feira de Água Branca; outros que seria ainda consequência da briga com oligarquia pernambucana”, finaliza.

Dia do Amigo: veja qual você é de acordo com o seu signo

  • Assessoria
  • 20/07/2020 14:52
  • Cultura

De acordo com a astrologia, a personalidade pode ser influenciada pelo dia e hora de nascimento e por isso, existem algumas características padrão relacionada aos signos, alguns são conhecidos por serem mais altruístas, outros, são mais ciumentos, por exemplo.

O astrólogo do Astrocentro, Brendan Orin reforça que apesar destas características, as pessoas não seguem um padrão e o perfil comportamental é baseado em uma série de fatores. Mas como é sempre bom conhecer um pouco sobre o signo que te rege, o especialista apresenta um pouco sobre cada elemento.

“As amizades mais prováveis geralmente estão ligadas aos elementos que mais conversam. Signos do elemento Fogo (Áries, Leão, sagitário), se dão bem com os signos de Ar (Gêmeos, Libra, Aquário), pois essa turma se entende bem pela boa relação com a liberdade. É a galera do movimento, da expansão, da troca e, principalmente, da razão. Já os signos de Água (Câncer, Escorpião, Peixes) se dão muito bem com os de Terra (Touro, Virgem, Capricórnio), uma vez que estão mais ligados à energia feminina e, por isso, são mais tranquilos, contidos e sensíveis" - resume Brendan Orin.

O astrólogo reforça que, além disso, signos dos mesmos elementos sempre vão se reconhecer e é natural que curtam a companhia um do outro. 

OS MAIS POPULARES

Sabe aquelas pessoas que estão sempre cercadas por uma turma enorme de amigos? Provavelmente elas são de Gêmeos, Leão ou Sagitário.  “Esses são os signos mais sociáveis e populares. Por gostarem de falar muito, de estar no centro e até mesmo de ouvir bastante, as pessoas desses signos acabam atraindo muitos amigos. Animadas e festeiras, elas fazem muita questão de estar rodeadas de pessoas e por isso uma amizade com esses nativos é sempre ótima para levantar o astral”, afirma Brendan.

PRA VIDA TODA

Quer amizades sólidas de verdade? Então procure a companhia dos nativos de Leão, Escorpião e Capricórnio. Eles não vão baixar a guarda logo de cara, mas a amizade construída aos poucos é indestrutível. 

“Esses são os signos que não costumam se apegar rápido e demoram um pouco para se entregar, até mesmo a uma amizade. Mas quando dão confiança para alguém entrar em sua vida, esse laço é eterno. Sempre irão te defender, estar lá por você nas horas boas e más. Só que para eles a confiança é como espelho: depois que quebra, não é mais o mesmo. Por isso, é muito importante valorizar e respeitar a amizade com esses nativos”, aconselha o especialista.

Os amigos de Virgem, Capricórnio e Aquário também são leais e ainda mais seletivos. “Esses nativos preferem ter amigos verdadeiros ao lado a aceitar qualquer colega para sair para uma festa. Como não confiam em qualquer um, normalmente seus amigos são de longa data e por isso só saem com eles.”

PROTETORES

“Touro, Câncer e Peixes se preocupam muito com o bem-estar dos amigos. São pessoas capazes de sentir as dores do próximo e por isso sempre procuram deixá-lo o mais feliz possível. São cuidadosos, carinhosos e sempre procuram proteger seus amigos de qualquer dor que possam sentir, tanto física quanto emocional. Por isso acabam sendo os amigos que parecem nossos pais de tanto que cuidam da gente.”- Garante.

BALADEIROS

Se você curte badalar, a turma que mais entende de diversão é a dos signos de Áries, Gêmeos, Libra e Sagitário. “Esses são os signos mais animados e que estão sempre dispostos a curtir uma festa. Para esses nativos, diversão é o que importa e, por isso, eles vão sem questionar para uma balada e curtem a noite inteira”, diz o astrólogo.

INFLUENTES

Neste momento de crise, é sempre bom contar com a ajudinha dos amigos influentes para conseguir um trabalho bacana. E os nativos de Áries, Virgem, Capricórnio e Peixes são as pessoas certas para dar essa força. “Como são muito reconhecidos no mercado de trabalho, acabam acumulando muitos contatos. A influência desses nativos acaba sendo positiva, e eles são ótimos para indicar você a alguma área em que tenha interesse”, aconselha Brendan Orin.

BONS CONSELHEIROS

Se você curte consultar os amigos quando está com problemas, os nativos de Libra, Escorpião, Sagitário e Capricórnio estão sempre dispostos a ouvir. “Esses amigos são capazes de sentir o seu problema e lidar com ele como se fosse deles. Por isso, na hora de dar conselhos, irão falar com o coração e lhe indicarão o melhor caminho a seguir.”

OS “SINCERÕES”

Agora, se seu problema é porque você se nega a sair de uma roubada, como um relacionamento ruim, talvez seja melhor apelar para alguém que abra seus olhos de uma vez. “Os nativos de Virgem, Escorpião e Sagitário podem até não dar bons conselhos, mas são pessoas sinceras e normalmente curtas e grossas. Eles não pensam muito antes de falar: como amigos, são aqueles que tendem a tocar no seu ombro e falar tanto coisas boas, quanto coisas que você não gostaria de ouvir”, finaliza.

Sobre o Astrocentro:

A maior comunidade de esoterismo do Brasil, possui astrólogos, numerólogos, videntes, cartomantes e tarólogos que realizam consultas por telefone, chat ou e-mail, oferecendo aconselhamentos não somente para assuntos com ligações direta à astrologia, mas também sobre simpatias, signos, compatibilidade, feitiços, numerologia, wicca e questões factuais, como: previsões para cenário político e econômico; datas comemorativas (Dias santos, dia das bruxas, finados); entre outros temas que são abordados com facilidade pelos seus mais de 140 especialistas. A facilidade para contatar os especialistas, assim como a forma de pagamento, torna o Astrocentro um importante canal para consultas esotéricas. www.astrocentro.combr

Com 15 mil m², Cine Parque Drive-in tem primeira sessão de estreia neste sábado

  • Assessoria
  • 17/07/2020 14:46
  • Cultura
Assessoria

 

 

            Que tal viver a experiência de um cinema retrô que, ao mesmo tempo em que resgata a exibição de filmes como antigamente, vai unir, ao mesmo tempo, alta tecnologia, conforto e serviços que serão oferecidos sem que o cliente precise sair da comidade do seu carro? Se a ideia te agradou, então, prepare-se para curtir a exibição dos filmes que o Cine Parque Drive-In está preparando para você. A estreia acontecerá neste sábado (18), a partir das 17h, e a lista com toda a programação já está disponível no site www.cineparquedrivein.com.br. E há opções para todas as idades e gostos.

 

            Atualmente a população brasileira vive um tempo em que é preciso que todo mundo se reinvente. E nesse momento em que isolamento social é a alternativa mais segura para se evitar a propagação do novo coronavírus, o entretenimento tem sido, cada vez mais, fundamental para manter a saúde mental de cada cidadão. Assistir filmes e lives tornou-se uma programação obrigatória para que a cultura possa estar mais próxima da sociedade.

 

            E foi nesse cenário que surgiu o modelo drive-in para a exibição de filmes e shows. Em vários lugares do país usar esse formato para cinema tem sido sucesso absoluto. “Sabemos que, buscando alternativas para poder sair de casa com segurança, o público tem lotado os estacionamentos das arenas onde esse modelo de drive-in está sendo oferecido. E a aceitação da população, Brasil afora, só confirma que é possível aliar, sim, numa mesma proposta, um serviço seguro com muita diversão. E essa é a proposta do Cine Parque Drive-In”, contou Sérgio Feitosa, CEO da Celebration Entretenimentos.

 

O cinema

 

            A 7ª arte vem encantando as pessoas há exatos 125 anos, desde quando os irmãos Louis e Auguste Lumière, aperfeiçoaram o cinematógrafo, aparelho que era, ao mesmo tempo, filmador, copiador e projetor, e foi considerado o primeiro equipamento realmente qualificado de cinema. Isso na França, em 1895.

 

            De lá para cá, claro, tudo evoluiu. Atualmente, as salas de cinema entregam aos cinéfilos uma especial projeção de filmes que os fazem quase se transportar para a história que está sendo contada no telão. E, de fato, essa é uma experimentação incrível. Mas, diante das recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e das autoridades sanitárias e de saúde, precisamos, e ainda não sabemos até quando, manter o distanciamento social.

 

           

 

 

            “A proposta do Cine Parque Drive-in oferece aos amantes de cinema um evento dotado da segurança e da comodidade capazes de permitir ao cidadão algumas horas de lazer sem quaisquer riscos de contaminação à Covid-19”, garantiu Sérgio Feitosa.

 

A logística da exibição e os serviços oferecidos

 

            O cliente, durante todo o tempo, estará no conforto do seu carro, o que já o impedirá de ter contato com outras pessoas. E, como cinema combina com pipoca, refrigerante e outras guloseimas, esse serviço de fast food será oferecido ao público para que a experiência no drive-in possa ser ainda mais marcante. Por meio do aplicativo Nada Pay Alimentação, o cliente poderá comprar o lanche, que será levado até o seu veículo quando estiver pronto.

 

            E em um espaço de mais de 15 mil m², com capacidade para 200 carros – mantendo o distanciamento entre um veículo e outro de cerca de 2m, um ‘megatelão’, com 162 m², foi montado para que a super projeção com qualidade full HD possa chegar até as pessoas presentes. Tudo isso para que a sensação de cinema possa estar realmente pertinho de cada um que comprar o ingresso. Já o áudio será disponibilizado em frequência de rádio, de modo que, de forma individualizada, cada um possa sintonizá-lo de acordo com o volume que preferir.

 

            E tem mais: a vontade de ir ao banheiro apertou? Durante as sessões, as pessoas poderão utilizar os banheiros disponíveis, mas isso seguindo as normas de distanciamento e avisando à produção por meio de aplicativo. “Faremos o controle de acesso de forma organizada e, aqueles que precisarem sair do interior do seu veículo, precisarão fazer o uso obrigatório de máscaras em todo o percurso até chegar ao WC. Também disponibilizaremos o álcool em gel para a devida higienização das mãos”, informou Jânia Fontes, diretora de produção da Celebration Entretenimentos.

 

As regras a serem cumpridas

 

            O Cine Parque Drive-In está seguindo todo o protocolo estabelecido no Decreto Municipal nº 8.913/20 e, em razão isso, o público precisará também respeitar as normas. E todo esse regramento está disponível no www.cineparquedrivein.com.br.

 

            É no site, por exemplo, que os clientes deverão adquirir os ingressos. As vendas só existirão de forma on-line e é obrigatória a apresentação dos tickets em formato digital, por meio do aplicativo Inti Ingresso. A sua leitura será realizada através de leitores óticos, sem contato manual.

 

            Será permitido o acesso de até quatro pessoas por carro, porém, a organização recomenda somente dois consumidores pelo fato do banco traseiro não possuir a mesma visibilidade. As vagas para os veículos

 

serão ocupadas por ordem chegada, e aqueles maiores serão direcionados para locais específicos, de modo que seja assegurada uma visão igualitária a todos os clientes. É importante respeitar o limite de velocidade de 20 km. E como haverá a aferição de temperatura no acesso, somente serão liberadas as pessoas com temperatura inferior a 37,5º.

 

            Após estacionar o seu carro, o proprietário deverá permanecer com o motor desligado até o término da sessão, com os vidros abertos ou semiabertos. Importante ressaltar que tão somente veículos de passeio fechados estão autorizados, conforme legislação vigente. Aqueles em modelo conversível só serão liberados com capota fechada. Clientes em motos, bicicletas, patinetes ou a pé não poderão assistir as sessões.

 

            Mesmo estando dentro do veículo, todos os seus ocupantes têm obrigação de estar de máscara, permanecendo com ela durante toda a sessão. E se todos consumirem comida no interior do carro, o lixo produzido deverá ser acondicionado num saco plástico e descartado nas lixeiras na saída do evento.

 

            Os ingressos das atrações do Cine Parque Drive-In são comercializados por carro, independentemente do número de pessoas presentes. A liberação de saída dos veículos ocorrerá somente após término da sessão. Em caso de emergência, um responsável deverá acionar a organização através do pisca alerta.

 

A programação

 

            E a programação do Cine Parque Drive-In terá gêneros cinematográficos para todos os gostos. Há filmes infantis, de romance, drama e ação já nesta semana de inauguração.

 

Confira:

 

Sábado (18/07)
•  17h – Shrek;
• 20h – Missão Impossível: Efeito Fallout;
• 23h45 – O Paciente Inglês;

Domingo (19/07)
•  17h – Gato de Botas;
• 20h – Pulp Fiction

 

 

            Seja bem-vindo ao Cine Parque Drive-in. Veja as luzes do nosso cinema se apagarem, desfrute dessa mais nova proposta lúdica de entretenimento e se entregue novamente à 7ª arte. A gente te garante que, aqui em Alagoas, você nunca viu nada igual. Prepare-se para essa grande experiência!

 

 

Serviço:

Cine Parque Drive-In

Local: Estacionamento do Parque Shopping (Cruz das Almas)

Dias: 18 e 19 de julho (primeira semana)

Horário: Sessões a partir das 17h

Ingressos no www.cineparquedrivein.com.br

Valor: R$ 66,00 (quinta-feira), R$ 77,00 (sexta-feira), R$ 88,00 (sábado) e R$ 77,00 (domingo)