F4c591ad bc0a 49bf b247 7c9181ae40c0

A Polícia Civil iniciou na tarde desta quinta-feira, 9, as investigações sobre o triplo homicídio registrado durante as primeiras horas da manhã no município de Girau do Ponciano, Agreste alagoano, que vitimou um casal e uma criança de dois anos. Uma das linhas de investigação é a de que o crime tenha sido motivado por vingança.

Segundo informações policiais, o casal, Edvânia Nunes Lima, 31 anos, e Edvaldo Claudino dos Santos, 24 anos, era acusado de ter incendiando uma residência, em 2016, em retaliação pela morte do irmão de Edvânia, a golpes de arma branca por dois irmãos, moradores do município. Pelo incêndio, o casal respondia a um processo em tramitação no Fórum de Girau do Ponciano.

De acordo com a Polícia Civil, há outras linhas de investigações que serão devidamente apuradas, mas não serão divulgadas para não atrapalhar o andamento das apurações.

 O Instituto Médico Legal (IML) e o de Criminalística (IC) recolheram os corpos durante a tarde, após realizar os procedimentos necessários na residência da família.