31a3a053 05e1 491c a13a 0ce8e56767d4

O governador Renan Filho e o secretário de Estado da Saúde, Christian Teixeira, inauguram nesta quarta-feira (4), às 10h, a obra de reforma e expansão do Hospital de Emergência Daniel Houly, em Arapiraca. Com a reforma, o número de leitos será triplicado, passando de 40 para 120, além de ter garantida a ampliação da área de UTI, que elevou o número de 13 para 20 leitos.

Dos 80 leitos que serão entregues, 60 estão na ala de internação, que receberá o nome do cirurgião Rodrigo Catunda. O jovem médico, de 35 anos de idade, era especialista em cirurgias buco-maxilo-facial, e morreu há quatro anos, na cidade do Recife. Inaugurado no dia 18 de julho de 2003, com 15 anos de história e média anual de 45 mil atendimentos, a unidade hospitalar é especializada na assistência a vítimas de traumas de Média e Alta Complexidade. 

Diariamente, o hospital presta atendimento aos alagoanos de 50 municípios do Agreste, Sertão e Baixo São Francisco, além de usuários dos estados de Pernambuco, Sergipe e Bahia. Além dos investimentos na estrutura física, o Governo de Alagoas está dotando o hospital com modernos aparelhos, incluindo a aquisição de novos cardioversores, desfibriladores, monitores, ventiladores mecânicos, aparelhos de anestesia, endoscópio, bisturis elétricos, bem como, de dois aparelhos de osmose e duas máquinas para hemodiálise, entre outros equipamentos para continuar salvando vidas. 

Atendimentos – O Hospital de Emergência Daniel Houly completa 15 anos com outra importante marca. Já são mais de 600 mil atendimentos e um índice de satisfação da ordem de 98% de aprovação pelos pacientes e acompanhantes. De acordo com a gerente da unidade, médica Regiluce Santos, todos esses investimentos vão possibilitar que mais pessoas sejam atendidas em um ambiente reestruturado, melhor adaptado e dotado de novas tecnologias.

“Temos certeza de que as melhorias que o hospital está recebendo vão refletir diretamente na qualidade e agilidade no atendimento aos pacientes”, pontua a gerente, agradecendo o apoio que o HE do Agreste vem recebendo do governador Renan Filho, vice-governador Luciano Barbosa, do secretário de Estado da Saúde, Christian Teixeira, e toda equipe da Sesau.

Nova Classificação - Por conta disso, a antiga Unidade de Emergência do Agreste foi elevada a uma nova classificação no Ministério da Saúde (MS), e passa agora ser Hospital de Emergência Daniel Houly. Principal porta de entrada do Sistema Único de Saúde (SUS), o HE do Agreste presta assistência especializada em urgências e emergências, provocadas por acidentes de trânsito, ferimentos por arma de fogo ou arma branca, queimaduras, afogamentos, entre outros traumas de média e alta complexidade.