4b63c6d8 4409 4977 ba3a ab3a898bea99

A Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de Alagoas (Arsal), por meio da Gerência de Saneamento Básico, realizou a última fiscalização técnica-operacional do ano no município de Arapiraca, nos dias 14 e 15 deste mês. Os técnicos do setor também se reuniram com a gerência da Companhia de Saneamento (Casal), responsável pela Unidade do Agreste.

Segundo o gerente de Saneamento da Arsal, Antonio de Padua, a equipe da Casal apresentou os planos de investimentos já anunciados pelo governador Renan Filho, um aporte em torno de R$ 20 milhões para investimentos na melhoria do abastecimento de água de Arapiraca.

“Em 2017 observamos a recuperação financeira e as melhorias implantadas pela Casal em todo o Estado. Paralelamente, podemos afirmar que o trabalho de fiscalização realizado pela Arsal surtiu efeitos positivos para a população dos municípios onde o saneamento é regulado, com a resolução das não conformidades apontadas nas fiscalizações e melhor aplicação de recursos para investimentos no próprio sistema de abastecimento de água e esgotamento sanitário”, destacou o gerente.

Após a reunião, os técnicos da Agência Reguladora seguiram para a Estação de Tratamento de Água (ETA) Iguá Agreste, em Arapiraca, onde analisaram a qualidade da água fornecida à população. Durante a fiscalização, a equipe pontuou que a ETA está operando com um moderno Centro de Controle Operacional (CCO), que possibilita a apresentação de um raio-x de todo o sistema de abastecimento do Agreste, facilitando a localização de possíveis problemas técnicos e vazamentos na rede de tratamento.