003ed436 34d7 4fb7 88f4 90a88d465ba0

Entre os dias 28 de agosto e 6 de setembro o Prefeitura de Arapiraca, através do Procon Municipal, deflagrou a “Operação Menor Preço”, que teve como alvo os principais supermercados da cidade, a exemplo dos atacadistas e das grandes redes do setor. O objetivo da operação foi garantir a correta aplicação das leis de proteção ao consumidor.

Durante a operação, fiscais do Procon Arapiraca autuaram todos os treze estabelecimentos visitados, uma vez que todos apresentavam diversos tipos de irregularidades, a exemplo da oferta de produtos impróprios ao consumo (validade vencida ou embalagens danificadas), falta de informação sobre lote, validade, preços e a ausência do número telefônico do Procon Arapiraca, além da diferenciação de preços dos produtos entre a prateleira e o caixa.

Cumprindo o papel de órgão de cidadania, o Procon Arapiraca orientou gerentes e funcionários sobre a correta conservação dos alimentos in natura, necessidade de identificação de lotes e data de validade em produtos fracionados, assim como a recomendação de adequações sobre a exposição de preços e quantidade dos produtos.

Os fiscais ainda sugeriram aos responsáveis pelos estabelecimentos visitados a realização do curso de capacitação para os funcionários, dentro do programa “Qualidade na sua Empresa”, lançado recentemente pelo órgão.

De acordo com a gerente de fiscalização, Cecília Wanderley, as ações do Procon Arapiraca serão contínuas e o apoio da população é de fundamental importância. “Essas ações serão freqüentes e todos os supermercados serão vistoriados. Nessa relação o consumidor tem papel importante no sentido de denunciar qualquer irregularidade ao órgão, através dos telefones (82) 3522-1010 e 99991-2564, além do e-mail proconarapiraca@gmail.com.