7ac04531 0e6d 4bbb 8bcb acdd8396a2d4

A vida é um sopro, como dizia o arquiteto Oscar Niemeyer. E esse breve suspiro se findou neste sábado (2) para o estudante de engenharia Iago Pereira, de apenas 24 anos. 

Ele faleceu por volta das 11h em seu apartamento em Maceió, onde cursava o 9o. período de Engenharia Civil na Faculdade Maurício de Nassau, devido a uma parada cardíaca. 

Ela foi provocada por uma trombose, seguida de um ataque fulminante do miocárdio, um fato raro para uma pessoa de tão pouca idade.

O jovem era neto do saudoso empresário arapiraquense Luiz Alfredo e sobrinho da jornalista Mônica Nunes.

O velório será ainda hoje às 20h30 na capital alagoana no Florescer do Trapiche, próximo ao Cemitério da Piedade, no bairro Trapiche da Barra.

No domingo (3), o corpo será conduzido para Arapiraca em direção à capela 1 no Osacre e, a partir das 11h, haverá o velório. De lá, Iago Pereira será enterrado no Cemitério Pio XII às 16h.