39dea7c9 b92e 41ab 9df3 ca07f969e614

Em seu blog no portal Cada Minuto, a secretária de Estado do Esporte Lazer e Juventude, Cláudia Petuba, repudiou o ato realizado na manhã desta quarta-feira (09) por um grupo de professores na Praça Luiz Pereira Lima, no centro de Arapiraca.

A secretária, que também esteve no local participando de um evento de cidadania voltado aos jovens, classificou como “bola fora” o enterro simbólico do prefeito Rogério Teófilo e do secretário municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão, Antônio Lenine Pereira.

“Solidarizo-me com os trabalhadores em greve, mas fico preocupada com fatos como este no sentido de que uma parcela lúcida dos movimentos sociais seja afetada pela falta de bom senso de outra parcela dos movimentos sociais. O que ocorreu ontem foi uma "bola fora", torço para que o movimento sindical atue de forma sensata, esclarecendo seu papel para a sociedade - muito maior que pautas meramente econômicas e atuação corporativa”, frisou.

Militante sindical desde muito jovem, Cláudia Petuba afirmou que já participou de vários protestos, mas com objetividade e menos barulho. “Já participei de vários protestos na época de estudante e depois de formada, inclusive em eventos oficiais de governos. Chegávamos lá e emitíamos a nossa opinião com faixas, cartazes e palavras de ordem num dado momento e em seguida parávamos para ouvir o que as autoridades tinham a dizer sobre o evento e sobre nossas reivindicações. Afinal, protesto que só quer fazer "barulho" não quer de fato resolver o problema, saber ouvir faz parte das negociações de salários e de direitos, não saber/querer ouvir significa (no final das contas) não "estar aí" para o pretexto/conteúdo do protesto”, finalizou.