820a5c75 6ce6 475c 9090 a8d675fa57c3

Durante a sessão da última terça-feira (11), o vereador e primeiro secretário da Câmara Municipal de Arapiraca, Melquisedec (PRB), voltou a defender que seja de responsabilidade a instalação e a manutenção do Instituto de Criminalística (IC), em Arapiraca, que há cerca de quatro anos, vem sendo bastante discutido.

Ele disse, que por falta da presença dos peritos, quando acontece um acidente com vítimas fatais ou até mesmo um assassinato, os parentes dessas vítimas são obrigadas a esperar até dez horas para que seja feita a devida perícia e o corpo seja liberado para o velório.

O parlamentar argumentou ainda, que quando acontece algum crime, já compromete o trabalho da própria Polícia Militar, porque uma viatura tem que ser deslocada para o local, para dar suporte ao fato.

Melquisedec disse que é totalmente contrário que a instalação de um órgão como o IC, seja passada toda a responsabilidade para o município, uma vez que é dever do estado, arcar com toda a estrutura.

“O governador tem que parar de jogar a responsabilidade para uma prefeitura como a de Arapiraca, porque o IC vai atender a 52 municípios, portanto, seria injusto apenas Arapiraca arcar com toda esta responsabilidade”, sentenciou o vereador, acrescentando, que se o governador não quer arcar sozinho com esta responsabilidade, que divida esta responsabilidade com os municípios envolvidos.