14927139278831

Após investigação, nesta quinta-feira, dia 20, a Polícia Civil concluiu o inquérito onde se constatou que uma vereadora eleita falsificou o histórico escolar para comprovar escolaridade de nível médio completo, quando na verdade a vereadora possui apenas a 4° série do ensino fundamental.

Informações da assessoria de Comunicação da PC revelam que segundo o delegado regional de Arapiraca, Gustavo Xavier, que também responde pelo 62° distrito policial de Craíbas, a vereadora foi indiciada pelo crime de uso de documento falso para fins eleitorais e indiciou também um homem pelo crime de falsificação de documento público para fins eleitorais.

O delegado informou ainda que o crime eleitoral foi cometido durante o registro de candidatura ao cargo de vereador do município de Craíbas, em 2016.

A Polícia Civil instaurou o Inquérito por requisição do Ministério Público Estadual da 22ª Zona Eleitoral de Arapiraca, atendendo determinação do juiz André Gêda Peixoto Melo.