PF deflagra segunda fase de operação contra fraude na merenda escolar em AL



Por Redação Cada MInuto
(Arquivo Cada Minuto)

A Polícia Federal em Alagoas deflagrou nesta sexta-feira (10) a segunda fase da Operação denominada “Brotherhood", que visa desarticular uma quadrilha acusada de fraudar o processo para aquisição de merenda escolar no estado.

A primeira fase foi executada em junho do ano passado, quando cinco municípios alagoanos -  Maceió, Girau do Ponciano, Traipu, Ibateguara, Tanque D´Arca  e Roteiro - foram alvos das investigações.

Ao todo, os agentes da PF cumprem 14 Mandados de Busca e Apreensão em sedes de empresas e prédios públicos municipais, além de 22 mandados de Condução Coercitiva e, ainda, posterior oitiva dos conduzidos.

As ações estão sendo realizadas em Maceió, além dos municípios de Ibateguara, Rio Largo, Paripueira, São Luiz do Quitunde, Limoeiro do Anadia, Igreja Nova, Joaquim Gomes, Atalaia, Pindoba, Traipu, e São Miguel dos Campos, além dos municípios de Quipapá e Paulista, em Pernambuco.

A operação ocorre em em parceria com a Controladoria Geral da União em Alagoas - CGU. Dois mandados estão sendo cumpridos em uma cidade vizinha na divisa de Alagoas com Pernambuco. 

Nessa primeira fase, as investigações apontaram que a quadrilha realizou direcionamento dos processos licitatório, superfaturamento da merenda, criaram empresas de fachadas com sócios ocultos.

Apesar do andamento das apurações, a PF não informou a possível prisão de algum envolvido. Participam desta fase da Operação mais de 100 policiais federais e servidores da CGU.



Veja Mais


Comentários

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.


  • Avatar

    {{ comment.nome }}

    {{ comment.created_at | date : 'dd/MM/yy HH:mm' }}

    {{ comment.comentario }}