A Universidade Estadual de Alagoas (Uneal) já conta, desde a noite desta segunda-feira (16), com a sua editora, a EdUneal. Trata-se de um importante passo para a consolidação da instituição de ensino e também para a produção cultural e intelectual principalmente do interior de Alagoas, em especial da cidade de Arapiraca. 

Para a criação da EdUneal, a instituição teve que cumprir todas as exigências da Biblioteca Nacional no Rio de Janeiro, para fins de cadastro e autonomia de concessão do International Standard Book Number (ISBN) ao material que será publicado. O ISBN é um sistema que identifica numericamente os livros segundo o título, o autor, o país e a editora, individualizando-os inclusive por edição.

A Editora também já é cadastrada junto à Associação Brasileira de Editoras Universitárias (ABEU). O Estatuto da EdUneal foi aprovado pelo Conselho Superior da Uneal e já foi  publicado no Diário Oficial do Estado. Ao contrário do que acontece na maioria das universidades que possuem editoras, onde os serviços gráficos são terceirizados, a Imprensa Graciliano Ramos, outra autarquia do Estado, imprimirá as publicações. 

Durante seu pronunciamento, o Reitor da Uneal, Prof. Jairo Campos da Costa, afirmou que a criação da EdUneal faz parte do projeto de construção de uma universidade de fato e de direito. “É um momento pontual dentro de uma série de outros tantos. São avanços, transformações e crescimento que passa a nossa universidade. A editora ainda não está nos moldes planejados. No entanto, precisaremos ampliar nossa estrutura com o avanço natural das atividades”, disse.

Ainda segundo o gestor, a EdUneal é voltada para a produção acadêmica e cultural de Alagoas e também para Arapiraca que terá, por consequência, mais visibilidade. “No primeiro trimestre do próximo ano já teremos o nosso primeiro edital. Além disso, graças a um intercâmbio já existente, receberemos publicações de todas as editoras universitárias”, revelou.

PASSO HISTÓRICO

Já Vice-Reitor da Uneal, Prof. Clébio Araújo, salientou que antes a instituição não havia tradição de pesquisa. “Estamos num momento de ajustes para sermos uma universidade para se produzir, como acontece em outras tantas instituições. É um passo histórico, de valor gigantesco, do qual ainda não temos dimensão. Graças à EdUneal, todo o processo de produção intelectual do interior do Estado também ganhará visibilidade”, destacou.

Para o Vice-Presidente do Sindicato dos Docentes da Uneal, Prof. Washington Viana, a instituição passa por um momento significativo de consolidação da universidade. “Com a implantação da editora, até os TCC’s [Trabalhos de Conclusão de Curso] – temos belos TCC’s -, poderão ganhar visibilidade, ao invés de ficarem guardados em estantes”, citou.

O professor do curso de Geografia, Roberto Silva de Souza, vai coordenar os trabalhos do novo órgão da universidade. “Estamos num desafio que será vencido. Agradecemos e todos que direta ou indiretamente contribuíram para a construção deste espaço”, falou.

A solenidade de lançamento aconteceu com a presença de estudantes, professores e gestores da Uneal.