Blog do Romulo Melo

Unidade do Juceal Express em Campo Alegre retoma as atividades

21f13158 b8a6 4a5a b886 15ae205c9979
O ponto descentralizado da Junta Comercial do Estado de Alagoas (Juceal) em Campo Alegre retomou suas atividades nesta semana. Após interrupção devido a um período de transição, adaptação e capacitação da nova gestão, foi vista a necessidade de reabertura da unidade do Juceal Express no município.
 
Com o intuito de facilitar a vida dos cidadãos que buscam os serviços do órgão, sem que seja necessária a locomoção até a sede, em Maceió, o Juceal Express permite ao empresariado dar entrada a processos de abertura, baixa e alteração de negócios. O posto avançado também fornece acesso a informações relativas aos procedimentos executados no Portal Facilita Alagoas.
 
Em Campo Alegre existem 1.287 empresas com registro ativo, segundo dado da Junta Comercial. E, para o gerente da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim) em Alagoas, Edmundo Lins Filho, o ponto no município volta a ajudar essas empresas e outras situadas na região do Agreste.
 
“Essa unidade de atendimento também foi aberta para desafogar a cidade de Arapiraca, que é um dos principais pontos de atendimento existentes hoje em Alagoas. O Juceal Express em Campo Alegre também possui grande densidade empresarial, tendo sua própria demanda”, afirma.
 
Com a retomada dos serviços na cidade, o Estado passa a contar com 32 postos avançados em funcionamento. A unidade do Juceal Express em Campo Alegre volta a funcionar na sede da Secretaria Municipal de Indústria e Comércio, na Rua Senador Máximo, s/n, das 8h às 12h e das 13h às 17h.
 
A abertura dos pontos descentralizados ocorre devido à parceria feita pela Junta Comercial de Alagoas com a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) e as prefeituras, contando com o apoio do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Alagoas (Sebrae/AL).

PM cumpre ordem de desocupação em fazenda localizada em Campo Alegre

6504e410 098c 4ef6 ba04 8ccdfea1ff2e
A Polícia Militar de Alagoas cumpre nesta terça-feira (03), ordem judicial para que famílias sem-terra desocupem uma propriedade rural localizada no município de Campo Alegre, situado na região Agreste do estado.

De acordo com informações colhidas pela redação com o 3º BPM, a área ocupada pertence às terras da Fazenda Santa Terezinha, com a saída dos trabalhadores rurais mediada pelo setor de Gerenciamento de Crises da PM.

Ainda segundo dados passados por oficial do batalhão localizado em Arapiraca, a desocupação ocorre de forma pacífica, inclusive com disponibilidade de transporte para remoção dos sem-terra.

O integrante do 3º BPM acrescentou também que houve negociação entre representantes dos agricultores e instituições que lidam com questões agrárias em Alagoas antes da execução da ordem expedida pela Justiça.

A saída aconteceu de forma pacífica segundo a PM.

Adolescentes contratadas para serviços domésticos são vítimas de violência sexual

E67ea83c 0290 483f 9f36 d586f43f518d
Quatro idosos foram presos, nesta terça-feira (03), acusados de praticarem abusos sexuais contra duas adolescentes de 12 e 13 anos. De acordo com a polícia, as meninas eram contratadas para serviços domésticos e na oportunidade, eram abusadas sexualmente.
 
De acordo com informações repassadas à reportagem  pelo chefe da Delegacia de Campo Alegre, José Mariano, cinco homens estavam envolvidos, porém, um deles morreu há três meses em decorrência de problemas de saúde.
 
Segundo o chefe da delegacia, os quatro presos foram identificados como: Jonas Francisco de Lima, de 85 anos; Antônio Farias Filho, 79; José Barbosa de Farias, 61 e José Paulo da Silva, 76 anos.
 
Após uma denúncia do Conselho Tutelar, a polícia localizou os acusados que negaram os abusos. Conforme a Polícia Civil, as investigações, que se estenderam por cerca de seis meses, esclareceram que meninas entre 12 e 13 anos eram contratadas para realizar serviços domésticos, mas a real intenção dos criminosos era facilitar o acesso às menores, para os abusos sexuais.
 
Os presos foram levados para a delegacia de Campo Alegre.

Jovem de 19 anos é presa por tráfico de drogas em Campo Alegre

38db0d5c 1d75 4493 82ec 052e9cee7eef
Uma jovem foi presa neste domingo, dia 01, acusada de tráfico de drogas no Distrito Luziapolis, no município de Campo Alegre.
 
Militares da unidade Rocam Bravo, da 1ª Cia Independente, realizavam patrulhamento no Distrito quando abordaram a mulher, que foi encontrada com 34 bombinhas de maconha, a droga estava embalada e pronta para comercialização.
 
Ana Clara Gomes da Silva, de 19 anos, foi presa em flagrante. Com ela a PM ainda apreendeu um aparelho celular e R$ 15, valor supostamente resultado da venda de drogas.
 
A jovem foi encaminhada a 6ª DRP, em São Miguel dos Campos.
Uma jovem foi presa neste domingo, dia 01, acusada de tráfico de drogas no Distrito Luziapolis, no município de Campo Alegre.
 
Militares da unidade Rocam Bravo, da 1ª Cia Independente, realizavam patrulhamento no Distrito quando abordaram a mulher, que foi encontrada com 34 bombinhas de maconha, a droga estava embalada e pronta para comercialização.
 
Ana Clara Gomes da Silva, de 19 anos, foi presa em flagrante. Com ela a PM ainda apreendeu um aparelho celular e R$ 15, valor supostamente resultado da venda de drogas.
 
A jovem foi encaminhada a 6ª DRP, em São Miguel dos Campos.

"Fiz de tudo por ele, hoje passo por isso; estou morta de vergonha", diz mãe de preso por assalto com reféns em Campo Alegre

F2920c20 03e4 48eb b727 b13a129b047a
Moradora de um conjunto de casas populares no bairro do Benedito Bentes, em Maceió, a dona Maria Cícera foi surpreendida na noite de ontem (27) por uma ligação da polícia. Ela foi avisada que seu filho, João Lucas Santos da Silva, fazia clientes e funcionários de uma agência dos Correios reféns, no Distrito Luziápolis, na cidade de Campo Alegre.
 
A mulher foi conduzida pela polícia até ao distrito de Luziápolis, onde ocorria o assalto, para ajudar a negociar a rendição do filho e do comparsa, um menor de idade.
 
Na delegacia de São Miguel dos Campos, para onde a dupla foi levada após se entregar, dona Maria Cícera conversou com a reportagem e lamentou o envolvimento do filho no assalto e revelou o quanto tem batalhado para tirar o jovem da criminalidade.
 
“Fiz empréstimo no banco e estou devendo. Comprei uma moto pra ele trabalhar de mototáxi na Feirinha do Tabuleiro. Fazia de tudo por ele, pra não ver ele pegar nada de ninguém. Até o aluguel da casa dele eu ia pagar. Sempre paguei e hoje passo por isso. Estou arrasada, morta de vergonha”, desabafou.

Homem que manteve reféns nos Correios em Luziápolis é autuado por 4 crimes

0594f367 30d5 4c95 a959 7ae9b5437c65
A Polícia Civil autuou João Lucas Santos da Silva, 23, suspeito de assaltar e manter reféns na agência dos Correios no distrito de Luizápolis, em Campo Alegre na última quarta-feira (27). A Polícia Federal será responsável pela investigação contra João Lucas. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (28).
 
De acordo com o delegado da Polícia Civil, Alexandre César, João Lucas foi autuado por roubo majorado, uso de arma de fogo, concurso de pessoas reféns e corrupção de menor. Além de Silva, um adolescente de 17 anos foi apreendido.
 
Ele foi preso após liberar os cinco reféns do assalto frustrado da agência no distrito de Luziápolis. O assalto foi frustrado quando a situação foi descoberta pela Guarda Municipal. O local foi cercado por equipes policiais. Os suspeitos foram levados para a Delegacia Regional de São Miguel dos Campos, onde foram autuados.

Criminosos fazem reféns durante assalto à agência dos Correios no Distrito Luziápolis, em Campo Alegre

E5297cba 075a 4cd5 9408 6703e3ce28a7
Após quase 5 horas de negociações, a Polícia Militar, através da 1ª Cia Independente, conseguiu a liberação dos reféns e a rendição dos criminosos que tentaram assaltar uma agencia dos Correios do Distrito de Luziapolis, na tarde desta quarta-feira, em Campo Alegre.
 
As negociações com a dupla foram conduzidas por um oficial da 1ª Cia.
 
De acordo com a polícia, os assaltantes exigiram a presença de uma pessoa da família, antes de liberar os reféns e se entregar, “pedimos apoio ao 5º BPM, que localizou a família dos acusados no bairro Benedito Bentes, em Maceió”, esclareceu a reportagem um dos militares envolvidos na ação.
 
Com apoio do Centro de Gerenciamento de Crises da PM, as negociações foram concretizadas e por volta das 20 horas, o local foi ocupado pelo Pelotão de Operações Especiais (Pelopes), que resgatou os reféns e prendeu os assaltantes.
 
Além da motocicleta usada pelos criminosos, uma arma de fogo (revólver calibre 38) foi apreendido com a dupla, que foi conduzida a 6ª Delegacia Regional em São Miguel dos Campos, onde estão sendo ouvidos pela Polícia Civil e Polícia Federal (PF), já que o assalto entrou no âmbito de um órgão federal (Correios).
 
*Matéria atualizada às 06:46
 
Com: AlagoasWeb

Irmãos são presos após 1ª Cia desmantelar negócio de venda de drogas em Campo Alegre

8554d905 9222 403d 8e52 32cd45f0a1ca
Uma denúncia anônima recebida pela Rocam da 1ª Cia Independente, levou a Polícia Militar até um grupo criminoso envolvido com o tráfico de drogas em Campo Alegre. As prisões e apreensões aconteceram neste domingo, dia 24, no Centro da cidade.
 
Três pessoas foram presas e dois menores apreender envolvido com a atividade criminosa.
 
Após receber a informação, a Rocam localizou e prendeu o suposto ‘cabeça’ do grupo, Wesley do Nascimento Ferreira, vulgo ‘mago’, de 22 anos, que junto com um menor de 17 anos, foi encontrado com 10 bombinhas de maconha e R$ 35,00.
 
Ao ser ouvido pelos militares, o rapaz confessou a pratica criminosa e entregou os demais envolvido na quadrilha.
 
Na residência do acusado a PM encontrou outros três integrantes do bando, seus irmãos: Jefferson Ferreira do Nascimento, vulgo ‘foen’, de 26 anos e Rayane do Nascimento Ferreira, vulgo ‘cachinho’, de 19, além de uma menor de 14 anos.
 
O trio foi flagrado pela polícia no momento que cortava e embalava o entorpecente para venda. Na casa, a Rocam apreendeu, ainda, 60 bombinhas de maconha e uma barra de aproximadamente 100g da mesma droga.
 
Todos os envolvidos no crime, junto com o material apreendido, foram encaminhados a 6ª DRP, em São Miguel dos Campos.

 

Base da Guarda Municipal de Luziápolis passa a registrar boletins de ocorrência

Cb559ea3 05d9 4d5b bfcd fd689a342bfc
Uma solicitação surgida através de reuniões realizadas pelo Conselho de Segurança Pública e fruto de uma parceria firmada entre a GCM (Guarda Civil Municipal) de Luziápolis e a Polícia Civil irá beneficiar os moradores do Distrito. Isso porque todas segundas-feiras e quartas-feiras das 08:00h às 12:00h a base da GCM localizada na Avenida Manoel Firmino, nº. 133, disponibilizará o serviço de boletins de ocorrência na comunidade. A população poderá registrar boletim de ocorrência com o auxílio de policiais civis que estarão presentes no prédio da  Guarda Municipal.
 
Entre os boletins que poderão ser elaborados estão roubo/furto de veículo, roubo/furto/perda de objetos ou documentos, ameaça, injúria, calúnia, difamação, desaparecimento de pessoa, entre outros.
 
Moradores do Distrito consideram a iniciativa como de fundamental importância para o aumento da sensação de segurança na localidade. A integração entre Guarda Municipal e Polícia Civil sem duvidas dará um melhor resultado na área da segurança aos munícipes. 

Em Campo Alegre: Homem é preso com espingarda de grosso calibre e rifle 38

E05e01dc 96de 4552 baad 74e739cd1708
Duas armas de fogo, sendo uma espingarda de uso proibido calibre 12 e um rifle Puma, calibre 38, além de munições, foram apreendidas neste sábado, dia 26, por militares da guarnição Rocam Bravo da 1ª Cia Independente.
 
As armas foram encontradas em poder de um homem identificado como José Carlos Nemezio da Silva, vulgo ‘Zé Carlos’, de 44 anos. Ele foi denunciado por fazer ameaças a transeuntes na Fazenda Santa Terezinha, zona rural do município de Campo Alegre.
 
O acusado, junto com o armamento foi levado a 6ª Delegacia Regional de São Miguel dos Campos. O homem permanece preso à disposição da Justiça.
Comercial (82) 3313.6040 (82) 99812.2189 comercial@cadaminuto.com.br
Redação (82) 3313.2162 (82) 99664.2221 fale@minutosertao.com.br